” Supercalifragilisticexpialidocious”

Mary Poppins ganhou as telas em 1964 em um longa que hoje se tornou clássico estrelado por Julie Andrews e Dick Van Dyke. A produção do filme, inclusive, também virou filme, o incrível  “Walt nos Bastidores de Mary Poppins”, estrelado por Tom Hanks e Emma Thompson em 2013. E agora Poppins volta às telas, interpretada por Emily Blunt, em O Retorno de Mary Poppins, que é uma continuação situada 25 anos depois desse clássico da Disney. Mas você sabe de onde surgiu de fato a personagem? Se não, vamos saber algumas curiosidades sobre a babá mais famosa do mundo.

Origem
O filme é baseado no primeiro de uma série de seis livros sobre as aventuras de Mary Poppins, escrita pela australiana Pamela Travers, a partir de 1938. As filhas de Walt Disney leram as histórias e fizeram o pai prometer que faria um filme sobre a babá mágica. Os livros de Mary Poppins foram traduzidos para 17 idiomas, inclusive para o latim. Inspirada na tia que educou Pamela, a personagem é uma solteirona áspera, às vezes cruel, com maneiras pomposas e adepta às lições de etiqueta. Por isso, a autora não se conformava com as mudanças feitas por Disney, a quem acusava de ter açucarado a personagem e diluído suas características mais marcantes. Fisicamente, a Mary Poppins dos livros também não se parece com Julie Andrews. Ela é descrita como uma mulher de pés grandes, levemente estrábica, nem um pouco bonita e inspirada em uma boneca de pano holandesa.

Permissão
Disney passou mais de 20 anos lutando para convencer Travers a permitir a filmagem. Na época, ele era famoso apenas como produtor de desenhos animados e a escritora temia que a adaptação para o cinema não fizesse jus à sua personagem. Problemas financeiros acabaram levando Travers a aceitar a oferta de 100 mil dólares, mas ela exigiu aprovar o roteiro e supervisionar a produção americana.

A escolha da atriz
Julie Andrews estava no terceiro mês de gravidez quando Disney a convidou para o papel. Ela se mostrou insegura e as filmagens foram adiadas para esperar o nascimento do bebê. Pamela Travers aprovou a escolha de Andrews depois de entrevistá-la por telefone. A atriz contou que estava de cama, se recuperando do parto, quando a escritora ligou.

Mary Poppins
Julie Andrews como Marry Poppins (1964)

Gravações
As filmagens, todas em estúdio, foram tumultuadas pelas exigências de Travers. Em vez da trilha sonora original, ela defendia o uso de músicas conhecidas dos britânicos no início do século 20, época para a qual Disney transportou a história. A escritora detestou as cenas de animação e tentou tirá-las. Walt Disney, no entanto, manteve todas. A autora provocou situações constrangedoras nas festas de estreia de Mary Poppins em Hollywood e na entrega do Oscar, no qual disse abertamente que a produção ficaria muito melhor sem as sequências de desenho animado.

Bert

O personagem Bert é na verdade uma combinação de vários amigos de Mary Poppins no livro de P.L. Travers. E foi uma escolha muito boa, já que é um dos personagens mais cativantes do longa e traz momentos inesquecíveis junto com a protagonista.

Marry Poppins
Bert ( Dick Van Dyke) e Mary Poppins ( Julie Andrews)

Sucesso

O musical foi lançado pelos estúdios Disney em agosto de 1964 e logo se tornou um sucesso mundial. Recebeu 13 indicações ao Oscar e levou cinco estatuetas. Em 2013, foi escolhido para ser preservado na Biblioteca do Congresso dos Estados Unidos, que o classificou como “estética, cultural e historicamente importante”.

Como será o novo filme?

A obra se passa durante a depressão americana, exatos 25 anos depois do original, no qual Michael e Jane estão em momentos difíceis e recebem a ajuda da babá. Será digirido Rob Marshall, mesmo de “Caminhos da Floresta” e “Chicago”, e no elenco teremos Emily Blunt como a protagonista, além de Meryl Streep, Dick Van Dyke e Colin Firth.

 

O retorno de Marry Poppins
Emily Blunt em “O Retorno de Mary Poppins”

Detalhes importantes

Curiosamente, nessa versão existirão animais em animação, mas também teremos cenas em 2D, pois a ideia é evocar o clima do longa anterior. Além disso, a trilha sonora terá alguns toques da versão clássica, mas com novas canções.

O Retorno de Mary Poppins estreia no Brasil em 20 de dezembro[youtube https://www.youtube.com/watch?v=doBT-eeWNHk]

FILMES DA TRILOGIA X DIRIGIDOS POR TI WEST Filmes originais da Netflix que são adaptações literárias Livros com o casal Ídolo e Fã! Filmes que são Dark Fantasy 6 livros da editora Intrínseca para o Dia Internacional da Mulher Histórias de Akira Toriyama Livros com o casal Grumpy x Sunshine FILMES DIRIGIDOS POR HAYAO MIYAZAKI NO STUDIO GHIBLI LANÇAMENTOS IMPERDÍVEIS DA EDITORA VERUS NO MÊS DE FEVEREIRO FILMES DE ANIMAÇÃO QUE TAMBÉM SÃO COMÉDIAS ROMÂNTICAS LIVROS SOBRE MITOLOGIA GREGA, ALÉM DE PERCY JACKSON LIVROS QUE LEMBRAM “TODOS MENOS VOCÊ” ONDE ASSISTIR OS INDICADOS AO OSCAR 2024? LANÇAMENTOS DA EDITORA ALT EM 2024 Livros que serão adaptados em 2024 Contos natalinos para você ler no Kindle Unlimited Willy Wonka: Conheça as versões do personagem Expansão “Aluga-se” do The sims 4: O que esperar?