...

O assassinato de Manfred e Marísia von Richthofen foi um momento que marcou a história do Brasil. Não só pelo contexto, mas a repercussão que o caso tomou na mídia. Especialmente, durante o julgamento dos responsáveis pelo crime. Se você não conhece o “Caso Richthofen”, vamos apresentar um pequeno resumo. Aliás, se você não sabe teremos filme sobre o Caso Richthofen.

Caso Richthofen:

Tudo acontece devido a morte do casal já mencionado, que foram assassinados pelos irmãos Daniel e Cristian Cravinhos, a mando da filha Suzane von Richthofen. Sim, é isso o que você acabou de ler.

Suzane e Daniel conheceram-se em agosto de 1999 e começaram um relação pouco tempo depois. Ambos tornaram-se muito próximos, mas o namoro não tinha o apoio das famílias. Principalmente dos Richthofen, que proibiram o relacionamento. Então, o trio criou um plano para simular um latrocínio e assassinar os pais da jovem. Assim os três poderiam dividir a herança de Suzane.

Leia também: Os filmes mais pesados do mundo

No dia 31 de outubro de 2002, a garota abriu a porta da mansão da família no Brooklin, em São Paulo, para que os irmãos pudessem acessar a residência. Depois disso eles foram para o segundo andar do imóvel e mataram Manfred e Marísia com marretadas na cabeça.

O interesse da população pelo caso foi tão grande que a rede TV Justiça cogitou transmitir o julgamento ao vivo. Cinco mil pessoas inscreveram-se para ocupar um dos oitenta lugares disponíveis na plateia. O que congestionou durante um dia inteiro a página do Tribunal de Justiça na internet. Suzane e Daniel Cravinhos foram condenados a 39 anos e 6 meses de prisão. Enquanto que Cristian Cravinhos foi condenado a 38 anos e 6 meses de reclusão.

carla diaz interpreta Suzane von Richthofen no filme a menina que matou os pais
Carla Diaz interpreta Suzane von Richthofen no filme que conta a história de um dos casos de assassinatos que chocou o Brasil

Dois filmes com duas versões:

A trajetória da investigação é tão cinematográfica que um filme não era o suficiente para transmitir todas as sensações. Por isso, serão dois, com versões diferentes para a história.

“A Menina que Matou os Pais”, terá Carla Diaz no papel de Suzane. A atriz iniciou a carreira ainda criança. Ficou conhecida ao viver a personagem Khadija da novela “O clone” (Globo), exibida entre 2001 e 2002. Nesse contexto, vai narrar os acontecimentos desde o primeiro encontro entre o casal até a condenação, na versão da própria Suzane.

O outro longa, previsto para estrear simultaneamente, se chamará “O Menino que Matou Meus Pais”, Diante dessa vertente, teremos a perspectiva de Daniel Cravinhos, interpretado pelo Leonardo Bittencourt. O ator estreou na novela “Malhação: Vidas Brasileiras” e fez parte do elenco de “Segunda Chamada”.

Antes de tudo, é interessante mencionar que Suzane, os irmãos Cravinhos ou qualquer outra pessoa retratada nos filmes não receberão dinheiro da produção. Nem os mesmo tiveram contato com os atores ou a produção. Desde o roteiro até a interpretação foram desenvolvidas a partir das informações que constam nos autos do processo, em especial nos depoimentos dos envolvidos.

Leia também: Conheça a série Retribution 

Incluindo que nenhum dos dois projetos inocenta ou enaltece Suzane e/ou Daniel, assim como também não romantiza ou glamouriza os assassinatos. Além de não defender nenhum dos lados da história e deixa ao público a interpretação dos fatos e das versões.

Não existe uma ordem correta para assistir aos filmes. Mas a experiência só é completa assistindo a ambos. Ainda não temos uma data de quando realmente poderemos acompanhar esses dois longas. Na verdade, ambos já haviam sido adiados devido a pandemia. Porém, nada impede de começarmos a analisar o caso de maneira mais generalizada.

Séries para quem amou Maxton Hall Bridgerton (3ª): O esperar da parte dois? Séries para você assistir no Dia das Mães As Melhores Trilhas Sonoras de Todos os Tempos Filmes de terror para assistir em maio 2024 FANFICS QUE VIRARAM FILMES PRODUÇÕES SOBRE FÓRMULA 1 A verdade sobre Bebê Rena Rota literária: conheça o aplicativo para leitores Top Filmes com ex-RBD FILMES DA TRILOGIA X DIRIGIDOS POR TI WEST Filmes originais da Netflix que são adaptações literárias Livros com o casal Ídolo e Fã! Filmes que são Dark Fantasy 6 livros da editora Intrínseca para o Dia Internacional da Mulher Histórias de Akira Toriyama Livros com o casal Grumpy x Sunshine FILMES DIRIGIDOS POR HAYAO MIYAZAKI NO STUDIO GHIBLI