Com lançamento simultâneo em 16 línguas no mundo todo, O Que Sobra chega ao Brasil pela editora Objetiva. A biografia do Príncipe Harry já está dando o que falar e vamos te contar tudo sobre.

O Que Sobra:

A biografia do Príncipe Harry leva os leitores imediatamente de volta para uma das imagens mais dolorosas do século XX: dois meninos, dois príncipes, caminhando atrás do caixão de sua mãe, enquanto o mundo acompanhava a cena com tristeza e horror. E enquanto a Princesa Diana chegava à sua última morada, bilhões de pessoas se perguntavam o que o Príncipe William e o Príncipe Harry deviam estar pensando e sentindo – e para onde suas vidas caminhariam a partir dali.

O que esperar da leitura

Pela primeira vez, Harry conta a própria história, narrando sua trajetória com uma honestidade crua e inabalável. Um marco editorial, O QUE SOBRA é uma obra cheia de aprendizados, revelações, escrutínio da própria vida e uma sabedoria conquistada a duras penas, que fala do poder eterno do amor contra o luto.

“O Herdeiro e o Reserva — não havia juízo de valor nisso, tampouco havia ambiguidade. Eu era a sombra, o apoio, o Plano B… Era convocado a oferecer respaldo, distração, diversão e, se necessário, uma peça reserva… Isso tudo me foi esclarecido desde o começo da jornada da vida e depois era sempre reforçado”. – trecho do livro

+ Leia também: Livros que falam sobre a Família Real Britânica

Antes de perder sua mãe, o Príncipe Harry, com doze anos, era conhecido como a criança mais solta, o pequeno e mais alegre em comparação com o sério herdeiro do trono. O luto mudou tudo. Ele sofreu na escola, sofreu com a raiva e com a solidão – e, já que ele culpava a imprensa pela morte de sua mãe, ele também sofreu para lidar com a vida sob os holofotes.

Polêmicas

O livro mal chegou nas livrarias do mundo todo e tem gerado muitas pautas devidas as declarações polêmicas do Príncipe Harry sobre a família real. Principalmente sobre seu irmão.

  • Briga entre irmãos

Em vários trechos da bibliografia, Harry conta com detalhes sobre as brigas que teve com o irmão mais velho, William. Uma delas chegou a ser uma agressão depois de uma discussão por conta de Meghan Markle, esposa de Harry.

“Ele me agarrou pelo colarinho, arrebentou meu cordão e me jogou no chão. Caí na vasilha de comida do cachorro, que quebrou nas minhas costas, com os cacos me cortando. Fiquei ali por um momento, atordoado, depois me levantei e disse a ele para ir embora” — narra em um trecho.

Outra questão polêmica envolvendo os irmãos foi o uso da fantasia nazista que Harry vestiu em 2005. Na obra o príncipe revela que William e Kate Middleton incentivaram o uso da roupa, que também foi motivo de risos.

  • Pênis congelado e virgindade

Assim que as pessoas tiveram acesso ao livro, a história que mais deixou os leitores intrigado foi a parte em que Harry conta sobre o momento em que o seu Pênis foi congelado durante uma expedição no Polo Norte, em 2011. Ele conta que o órgão ficou ferido, e teve queimaduras por conta do frio extremo.

+ Leia também: Conheça os livros da duologia Royals, da Rachel Hawkins

O episódio aconteceu pouco antes do casamento entre William e Kate Middleton. Harry tentou resolver a situação aplicando cremes, mas acabou precisando de atendimento médico.

“Eu mostrei meu pênis para ele, amenizada pelo creme. O médico não conseguia ver nada. ‘Não dá para ver’, eu expliquei. Era uma praga invisível” – conta ele, no livro.

Ainda no assunto de íntimo, o Príncipe Harry contou que perdeu a virgindade aos 17 anos, em um campo atrás de um pub. O príncipe descreve o momento como “episódio vergonhoso com uma mulher mais velha”, e sem revelar a sua identidade ele acrescenta: “Ela gostava muito de cavalos e me tratou como um jovem garanhão.”

Todo lucro da biografia para entidades britânicas

O Príncipe Harry pretende ajudar entidades beneficentes britânicas com os lucros auferidos com O QUE SOBRA; O Duque de Sussex doou US$1.500.000,00 para a Sentebale, uma organização que ele fundou com o Príncipe Seeiso, de Lesotho, em homenagem ao legado das mães dos dois.

Harry também vai fazer uma doação para a organização sem fins lucrativos WellChild no valor de £300.000,00. A WellChild, entidade da qual Harry é patrono real há 15 anos, visa permitir que crianças e jovens com necessidades de saúde complexas sejam tratados em casa em vez do hospital sempre que possível.

O Príncipe Harry, Duque de Sussex, é um marido, pai, ativista humanitário, veterano militar, defensor das causas de saúde mental e ambientalista. Ele vive em Santa Bárbara, Califórnia, com sua família e três cachorros.

LANÇAMENTOS IMPERDÍVEIS DA EDITORA VERUS NO MÊS DE FEVEREIRO FILMES DE ANIMAÇÃO QUE TAMBÉM SÃO COMÉDIAS ROMÂNTICAS LIVROS SOBRE MITOLOGIA GREGA, ALÉM DE PERCY JACKSON LIVROS QUE LEMBRAM “TODOS MENOS VOCÊ” ONDE ASSISTIR OS INDICADOS AO OSCAR 2024? LANÇAMENTOS DA EDITORA ALT EM 2024 Livros que serão adaptados em 2024 Contos natalinos para você ler no Kindle Unlimited Willy Wonka: Conheça as versões do personagem Expansão “Aluga-se” do The sims 4: O que esperar? A Cantiga dos Pássaros e das Serpentes: vale a pena ver? Se o personagem do seu filme favorito fosse uma animação da Pixar Livros de Edgar Allan Poe em A Queda da Casa de Usher Músicas que falam sobre términos Livros com jogadores de futebol americano para você ler Livros do Grupo Editorial Record para o Dia das Crianças Conheça Cyberpunk 2077: Nenhum acaso AMOR E LIVROS! ENTREVISTA EXCLUSIVA COM JENNA EVANS WELCH, AUTORA DE AMOR E GELATO