Não perca as

Diante de lançamentos imperdíveis, vamos conferir a lista de novidades literárias da Companhia das Letras para Abril/24. Aliás, com tantas opções, é difícil escolher qual desses iremos ler em primeiro lugar. Portanto, vejas as novidades literárias da Companhia das Letras para Abril/24:

Veja também- Você conhece o subgênero “Cozy Fantasy”?!

Companhia das Letras:

Bruxas, Brenda Lozano (02/04) – De uma das mais surpreendentes vozes da nova geração de escritoras latino-americanas. Uma bruxa-curandeira de um povoado no interior, uma jovem jornalista da cidade grande. O encontro de dois mundos que se revelam perturbadoramente próximos. Brenda Lozano cria uma reflexão profunda acerca de tradições ancestrais, das pequenas subversões do dia a dia e, sobretudo, do poder arrebatador da linguagem.

Um prego no espelho, Tércia Montenegro (09/04) – DDa premiada autora de Turismo para cegos e Em plena luz. Até que ponto a vida de alguém não é uma repetição disfarçada do destino de seus antepassados? Ao se lançar no abismo da genealogia de uma família, a autora cearense Tércia Montenegro reflete sobre os enlaces que a constituem, e como um prego no espelho tenta capturar uma imagem que parece sempre escapar aos personagens deste livro.

Faca, Salman Rushdie (16/04) – Em um relato íntimo e potente, Salman Rushdie relembra o atentado que sofreu em 12 de agosto de 2022 e ressignifica sua traumática experiência, respondendo à violência com arte. Faca é uma reflexão emocionante sobre a vida, a perda e o amor — e sobre como encontrar forças para um novo começo.

Breve história do espírito (Nova edição), Sérgio Sant’Anna (16/04) – Publicado originalmente em 1991, Breve história do espírito constitui um marco na trajetória de um dos mais notáveis escritores brasileiros.

A transição inacabada, Lucas Pedretti (23/04) – A democracia brasileira, constituída a partir da indignação contra a violência da ditadura militar, ainda tolera a barbárie promovida pelo Estado contra determinados grupos e sujeitos. Este livro procura entender a história e as razões dessa estranha tolerância.

Virgínia mordida, Jeovanna Vieira (23/04) –

Ao retratar um relacionamento marcado sobretudo pela violência psicológica, Jeovanna Vieira apresenta uma das estreias mais empolgantes da ficção brasileira. Narrado com capítulos curtos em um ritmo vertiginoso, Jeovanna Vieira constrói uma obra de estreia aterradora, que explora a complexidade humana em todas as suas formas: nossas fragilidades e nossos defeitos, a capacidade que temos de infligir dor em nome do amor e, sobretudo, o poder de sermos resgatados, mesmo quando nos falta coragem.

Carisma e poder, Ian Kershaw (23/04) – Até que ponto um único líder pode alterar o curso da história? De Hitler a Stálin, de Churchill a De Gaulle, de Thatcher a Kohl, Carisma e poder explora — com exímia capacidade de análise histórica — como doze figuras surpreendentemente diferentes governaram quase sem restrições e marcaram a vida de milhares de pessoas.

Seis passeios pelos bosques da ficção (Nova edição), Umberto Eco (23/04) – O que é o texto de ficção? Em que medida ele difere da verdade histórica? O que ocorre quando o leitor mistura os papéis e considera como reais personagens fictícias? Estas e outras questões da arte narrativa são discutidas por Umberto Eco nestas conferências que realizou em Harvard.

O pacto da água, Abraham Verghese (30/04) – Uma saga familiar arrebatadora do autor de O décimo primeiro mandamento, que já vendeu mais de 1,5 milhão de exemplares no mundo. Best-seller instantâneo do New York Times e livro escolhido para o clube de leitura de Oprah Winfrey. Com uma prosa que captura e envolve o leitor desde a primeira página, este romance magistral é um testemunho do progresso da medicina, da própria passagem do tempo e dos sacrifícios feitos por aqueles que vieram antes de nós.

Copacabana dreams, Natércia Pontes (30/04) – Idílica, caótica, nostálgica, improvável. Os contos reunidos neste livro mostram Copacabana como você nunca viu. A nova edição do livro de estreia de Natércia Pontes, que também assina Os tais caquinhos, traz de volta para as prateleiras seu olhar a um só tempo cômico e trágico, pop e lírico, amoroso e cruel, e pinta um retrato apaixonante de uma cidade. Edição traz apresentação de Letrux e Arthur Braganti.

Alfaguara:

Os grandes carnívoros, Adriana Lisboa (16/04) –

Entre idas e vindas temporais, Adriana Lisboa conduz o leitor a habitar os pensamentos em desassossego de Adelaide, uma ex-presidiária e ativista pelos direitos dos animais que se vê diante da brutalidade das relações humanas.

Confira novidades literárias da Companhia das Letras para Abril/24

Zahar:

Uma enciclopédia nos trópicos, Beto Ricardo & Ricardo Arnt (09/04) – Figura central do movimento indigenista, Beto Ricardo foi corresponsável por ações fundamentais na defesa dos direitos dos povos originários no Brasil e pela conservação do meio ambiente. Dentre elas a coordenação, à frente do Instituto Socioambiental (ISA), de mais de vinte expedições que contribuíram para a demarcação de terras no alto e médio rio Negro e a instalação de redes de radiofonia entre os povos da Amazônia. Ao rememorar os bastidores dessas lutas, Uma enciclopédia nos trópicos é uma aula de história do Brasil. As memórias de Beto Ricardo são as memórias da própria história do socioambientalismo. Com prefácio de Ailton Krenak e posfácio de Leão Serva.

Extremos, Pedro Fernando Nery (16/04) – Neste livro que percorre realidades extremas de um país desigual, o economista Pedro Fernando Nery traça um panorama esclarecedor e solidamente embasado que ajuda a entender nossas desigualdades e seu reflexo no crescimento econômico. Do distrito paulistano de Pinheiros, o lugar com o mais alto índice de desenvolvimento, à amazonense Ipixuna, a cidade com pior colocação, cada ponto desse roteiro serve de pano de fundo e mote para se discutir pautas econômicas, sociais e políticas importantes — como as reformas tributária, administrativa e previdenciária –, bem como um conjunto de propostas para mudar o Brasil.

Objetiva:

Buracos brancos, Carlo Rovelli (09/04) – Uma obra-prima sobre o fascinante mundo dos buracos brancos. Em seu novo livro, Rovelli nos convida a experimentar a febre e a inquietação da ciência — e a surpreendente vida de um buraco branco.

Poder e progresso, Daron Acemoglu & Simon Johnson (30/04) – Uma nova e ousada perspectiva sobre os avanços tecnológicos ao longo da história, provando que as inovações podem gerar prosperidade para todos, não somente às elites. A partir da análise de mil anos de história, aliada ao exame de evidências contemporâneas, Daron Acemoglu e Simon Johnson, professores do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), mostram como o progresso depende das escolhas que fazemos sobre o uso e os avanços da tecnologia e que a adoção de mais tecnologia não implica necessariamente em melhor desenvolvimento social e qualidade de vida.

Suma:

Mesmo sabendo como tudo acaba, C. L. Polk (30/04) –

Neste suspense repleto de mistério e romance, o leitor percorre o cenário noir de Chicago nos anos 1940 em uma história sobre anjos, demônios e magia, que também fala sobre enfrentar opressores e encontrar seu próprio caminho.

Paralela:

A lista de coisas suspeitas, Jennie Godfrey (09/04) – Um comovente romance de formação sobre família, amizade e comunidade, que tem como pano de fundo o período em que a cidade de Yorkshire foi aterrorizada pelo serial killer conhecido como “O Estripador de Yorkshire”, através do ponto de vista inocente de duas garotas de 11 anos.

O efeito Graham, Elle Kennedy (16/04) – Será que uma brilhante jogadora de hóquei consegue sair da sombra do pai famoso, ganhar uma medalha e ser escalada para a seleção, mantendo o foco e sem perder seu coração no processo? Acompanhe a história viciante e cheia de surpresas de Gigi, filha do casal protagonista de O acordo.

Seguinte:

Manual do amor, Alex Norris (02/04) – Um guia descomplicado para relacionamentos, amizade e identidade. Confessional, bem-humorado e sincero, este manual em quadrinhos tem o estilo acessível, inclusivo e inconfundivelmente inteligente da webcomic de Alex Norris.

A ladra amaldiçoada, Margaret Owen (16/04) – Este livro não é um conto de fadas. Esta não é a história da princesa. Esta é a história que ninguém contou: a da criada malvada. Com ilustrações da própria autora, este é o primeiro volume de uma série de fantasia sobre identidades roubadas, romances inesperados e garotas que estão longe de serem mocinhas.

Leia também- Resenha: Chuvas Esparsas, de Rainbow Rowell

Quadrinhos na Cia:

Pigmento, Aline Zouvi (09/04) – Uma história de amor para ser tatuada na pele. A graphic novel de estreia de um dos nomes mais originais da nova geração do quadrinho brasileiro. Clarice é uma jovem tatuadora que não consegue se tatuar. Há algo de misterioso no fato de a tinta não se fixar em sua pele. Um dia, conhece Lívia, uma restauradora de livros, e desse encontro vai nascer uma relação que mudará a vida de ambas.

Não perca também- 6 Livros que se passam no outono

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top Filmes com ex-RBD FILMES DA TRILOGIA X DIRIGIDOS POR TI WEST Filmes originais da Netflix que são adaptações literárias Livros com o casal Ídolo e Fã! Filmes que são Dark Fantasy 6 livros da editora Intrínseca para o Dia Internacional da Mulher Histórias de Akira Toriyama Livros com o casal Grumpy x Sunshine FILMES DIRIGIDOS POR HAYAO MIYAZAKI NO STUDIO GHIBLI LANÇAMENTOS IMPERDÍVEIS DA EDITORA VERUS NO MÊS DE FEVEREIRO FILMES DE ANIMAÇÃO QUE TAMBÉM SÃO COMÉDIAS ROMÂNTICAS LIVROS SOBRE MITOLOGIA GREGA, ALÉM DE PERCY JACKSON LIVROS QUE LEMBRAM “TODOS MENOS VOCÊ” ONDE ASSISTIR OS INDICADOS AO OSCAR 2024? LANÇAMENTOS DA EDITORA ALT EM 2024 Livros que serão adaptados em 2024 Contos natalinos para você ler no Kindle Unlimited Willy Wonka: Conheça as versões do personagem