Leia a crítica do filme "Super Mario Bros. O filme"

Diante de uma história leve e familiar, com um design incrível, vamos falar de “Super Mario Bros. O filme”. A Nintendo tem um legado no mundo dos games pelas suas tramas simples e a “jogabilidade” cativante que atravessa gerações. Faz sentido então que a nova adaptação às telas fique nas mãos de um estúdio de filmes-famílias descomplicados como a Illumination Studio. Pois temos uma obra simplesmente harmônica e divertida. Portanto, vamos comentar do longa “Super Mario Bros. O filme”:

Não perca também: 5 Animações Nacionais que você precisa assistir

Narrativa divertida e dinâmica:

Veja tudo sobre "Super Mario Bros. O filme"

A história conta a origem de Mario e Luigi, dois encanadores ítalo-americanos que vivem em Nova York e saíram de seus empregos estáveis para abrir um empreendimento próprio. Nem a própria família acredita no potencial dos irmãos. O que obviamente muda quando eles encontram um cano verde mágico que transforma Mario e Luigi em heróis do familiar universo de fantasia do game.

“Super Mario Bros. O filme” traz uma narrativa calorosa e recheada de easter eggs de seu universo rico, fazendo da nostalgia um apelo e um aliado. Mesmo quem tem pouco contato com a franquia pode reconhecer desde os objetos presentes nos jogos até a trilha sonora assinada por Brian Tyler e Koji Kondo. Sendo que este usa os elementos de orquestras e as marcantes melodias que acompanham os jogadores. A história não traz elementos surpreendentes ou inovadores e, sinceramente, ainda bem, pois o que faz brilhar o longa são seus personagens e o visual rico e cheio de detalhes.

Inovação e Autenticidade:

Confira tudo de "Super Mario Bros. O filme"

A Nintendo se destaca quando se trata em inovações tecnológicas e “jogabilidade”, apesar de manter uma postura contida, diga-se até conservadora, em outros aspectos como temas ou enredo. Nesta obra, vai além da fórmula resgate-da-princesa ao injetar o mesmo humor dinâmico de tantas outras franquias de games que estão apostando nas telas. Créditos para a direção de Aaron Horvath e Michael Jelenic (Os Jovens Titãs em Ação! Nos Cinemas) e o roteiro assinado por Matthew Fogel (Uma Aventura Lego 2).

Na nova aventura, os personagens ganham mais dimensionalidade, principalmente os secundários, que se destacam mais do que a dupla de protagonistas: Bowser, que tem uma paixão não correspondida melodramática; o leal e corajoso parceiro Toad; e Donkey Kong, que brinca com a dualidade de ser o rival amigável de Mario. Também vale destacar principalmente Peach, conhecida como a princesa que sempre precisa ser resgatada, ela assume uma postura de liderança e competência na jornada.

Veja também: Lista dos filmes citados no livro ‘Melhor do que nos filmes’

Conclusão:

De fato, “Super Mario Bros. O filme” usa de maneira adorável e carinhosa o universo criado por Shigeru Miyamoto para narrar uma aventura envolvente e faz jus a franquia. Com certeza, é difícil não sair com vontade de jogar novamente desde o recente Super Mario Odyssey até algum clássico do bigodudo, como as plataformas de Super Nintendo.

LANÇAMENTOS IMPERDÍVEIS DA EDITORA VERUS NO MÊS DE FEVEREIRO FILMES DE ANIMAÇÃO QUE TAMBÉM SÃO COMÉDIAS ROMÂNTICAS LIVROS SOBRE MITOLOGIA GREGA, ALÉM DE PERCY JACKSON LIVROS QUE LEMBRAM “TODOS MENOS VOCÊ” ONDE ASSISTIR OS INDICADOS AO OSCAR 2024? LANÇAMENTOS DA EDITORA ALT EM 2024 Livros que serão adaptados em 2024 Contos natalinos para você ler no Kindle Unlimited Willy Wonka: Conheça as versões do personagem Expansão “Aluga-se” do The sims 4: O que esperar? A Cantiga dos Pássaros e das Serpentes: vale a pena ver? Se o personagem do seu filme favorito fosse uma animação da Pixar Livros de Edgar Allan Poe em A Queda da Casa de Usher Músicas que falam sobre términos Livros com jogadores de futebol americano para você ler Livros do Grupo Editorial Record para o Dia das Crianças Conheça Cyberpunk 2077: Nenhum acaso AMOR E LIVROS! ENTREVISTA EXCLUSIVA COM JENNA EVANS WELCH, AUTORA DE AMOR E GELATO