...

Na tão aguardada sequência de Procura-se um Namorado, de Alexis Calling, em Esse é pra casar vamos descobrir o que aconteceu depois que Luc e Oliver resolveram ficar juntos.

Relembrando a história

Em Procura-se um Namorado nós conhecemos Luc e Oliver, esse querido casal que começou um namoro de mentirinha para enganar a mídia após uma foto comprometedora parar nos tabloides britânicos e acabaram se apaixonando de verdade (quem nunca?). 

Agora que as coisas se resolveram – mais ou menos! – nós temos de volta esses dois com novos conflitos em relação ao coração.

+ Confira a resenha completa do primeiro livro

Esse é pra casar!

Sinopse: Luc e Oliver descobriram que podiam até não ser perfeitos, mas eram perfeitos um para o outro. Só que… casais perfeitos devem se casar, certo? Pelo menos é o que parece, a julgar pelo seu grupo de amigos.

O que Luc não sabe é que chegar ao altar não é tão simples quanto parece, principalmente quando envolve o filho instável de ex-estrelas do rock e um advogado certinho e perfeccionista. Mas Luc e Oliver se amam, e isso é tudo que importa, não é? E então o que poderia dar errado?

Essa sequência traz Luc lidando com as fases e desafios da vida adulta. Ao mesmo tempo que vive em uma realidade bem mais agradável ao lado do homem que ama, se sentindo bem em um trabalho não tão bom assim, vivendo a melhor fase de seus amigos. No entanto, uma chave parece girar na sua mente quando ele perceber que todos estão se casando – até mesmo o seu ex-namorado incrivelmente babaca. 

Esse é Pra Casar é dividido em 5 partes. Nas três primeiras são contadas histórias de diferentes personagens secundários se casando. A escolha da autora em mostrar primeiro o casamento de três outros casais de personagens que aparentemente não tinham tanto peso pra narrativa antes de mostrar o casamento dos protagonistas foi bem interessante. 

Outro detalhe foi perceber as diferentes formas com que cada um lida com o seu próprio casamento, desde o planejamento até o modo como as pessoas ao seu redor lidam com as uniões. 

As duas partes seguintes do livro foram focadas no próprio casamento dos personagens principais e também foi bem legal ver os detalhes de um casamento LGBT+ acontecendo. O preconceito, a dificuldade de ter um casamento legal foram alguns temas abordados pela autora nessa obra também. Esse detalhe foi bem sensível e humano. 

Por mais que o final deste livro seja bem fechado, gostaria de ver um pouco mais da vida desse casal. O fim do livro acabou entregando algo bem diferente do que foi imaginado. O que foi positivo, pois não foi uma leitura previsível. 

Filmes de romance icônicos na MAX Filmes de romance com Glen Powell Lista com todos os filmes com Barry Keoghan Fantasias que são volume único Doze indicações da Intrínseca para o Dia do Orgulho Geek Séries para quem amou Maxton Hall Bridgerton (3ª): O esperar da parte dois? Séries para você assistir no Dia das Mães As Melhores Trilhas Sonoras de Todos os Tempos Filmes de terror para assistir em maio 2024 FANFICS QUE VIRARAM FILMES PRODUÇÕES SOBRE FÓRMULA 1 A verdade sobre Bebê Rena Rota literária: conheça o aplicativo para leitores Top Filmes com ex-RBD FILMES DA TRILOGIA X DIRIGIDOS POR TI WEST Filmes originais da Netflix que são adaptações literárias Livros com o casal Ídolo e Fã!