Veja os lançamentos da Editora Intrínseca em Outubro/2022. 

Não perca quais são os lançamentos da Editora Intrínseca em Outubro/2022. 

O ano está quase acabando, mas não vamos deixar de conferir lançamentos da Editora Intrínseca em Outubro/2022.  Afinal, esses últimos meses de novidades prometem. Desde títulos aguardados pelos leitores até obras inusitadas. Portanto, vamos para a lista com os livros que chegam às livrarias com os lançamentos da Editora Intrínseca em outubro:

Veja também: Lançamentos da Editora Intrínseca em Setembro/2022

Boa garota, segredo mortal, de Holly Jackson (03/10)

Um ano após a investigação que reescreveu a história de Little Kilton, a jovem Pip planeja lançar um podcast sobre a resolução do caso Andie Bell e encerrar seus dias de detetive amadora.

Mas tudo muda quando um desaparecimento misterioso abala novamente a cidade. Jamie Reynolds, o irmão de um de seus melhores amigos, foi visto pela última vez no memorial dedicado a Andie Bell e Sal Singh, seis anos após o crime. Quando a polícia se recusa a agir, Pip decide voltar à ativa.

Nesse novo caso, ela está disposta a correr ainda mais riscos em busca da verdade. Quem aí também quer saber como essa história termina?

O primeiro a morrer no final, de Adam Silvera (05/10)

Nessa trama que se passa sete anos antes da história de Mateo e Rufus, acompanhamos o processo de criação da Central da Morte e toda a descrença inicial da população com o novo serviço. Como será possível saber que as pessoas vão morrer?

Orion Pagan tem um grave problema no coração, e por isso sempre quis saber o dia exato em que vai morrer. Quando ficou sabendo da Central da Morte, logo se interessou em experimentar o serviço. Já Valentino Prince, um jovem com um futuro promissor que está recomeçando a vida em Nova York, só decide se inscrever depois que a irmã quase morre em um acidente de carro.

O caminho dos dois se cruza na Times Square, e a conexão entre eles é imediata. Mas tudo se complica quando, à meia-noite, no primeiro dia de funcionamento da Central da Morte, um deles recebe a ligação com a notícia de que terá um encontro prematuro com a morte nas próximas 24 horas.

 

Desenhos ocultos, de Jason Rekulak (07/10)

Mallory Quinn precisa trabalhar. Recém-saída da reabilitação, a jovem consegue um emprego na casa de Ted e Caroline Maxwell, que, aos olhos da vizinhança, levam uma vida perfeita. Sua principal função é tomar conta de Teddy, o filho de cinco anos do casal, um menino doce e quieto que nunca abandona seu caderno e lápis.

Os desenhos de Teddy são sempre os mesmos: aparecem árvores, coelhos, balões… Mas, um dia, algo diferente surge no papel: um homem em uma floresta, arrastando o corpo inerte de uma mulher.

A partir daí, as ilustrações do menino vão se tornando cada vez mais sinistras e altamente realistas — impossíveis de serem feitos por uma criança de cinco anos. Assustada, Mallory começa a se questionar se os desenhos não estariam relacionados a uma força sobrenatural.

 

Mulheres invisíveis, de Caroline Criado Perez (12/10)

Toda a nossa cultura é permeada por uma falta de representatividade de dados sobre a experiência feminina — e o impacto dessa lacuna é sentido diariamente, e de forma estrutural, por elas.

Em Mulheres invisíveis, a jornalista feminista britânica Caroline Criado Perez propõe uma análise inovadora na abordagem da desigualdade de gênero: apresentar, por meio de uma pesquisa impressionante, a história do que acontece quando as mulheres são ignoradas como parte constituinte da sociedade.

Os exemplos citados pela autora são dos mais variados, desde o design de smartphones até a criação de remédios e de novos meios de tratamento médico: tudo é desenvolvido sem atenção às necessidades das mulheres. De que forma isso afeta suas vidas na prática? Quantas mulheres estão morrendo mais, sofrendo mais e enfrentando  dificuldades maiores porque a perspectiva universal ainda é masculina?

Confiança, de Hernan Diaz (17/10)

Mesmo em meio ao caos e à efervescência dos loucos anos 1920, não há em Nova York quem não tenha ouvido falar do casal Benjamin e Helen Rask. Envoltos em uma aura de mistério e reverência, o lendário magnata de Wall Street e a herdeira de uma linhagem aristocrática chegaram, juntos, ao topo de um mundo onde a riqueza parece não ter fim.

É nesse contexto que o casal Rask protagoniza um romance que supostamente disseca as verdades por trás do magnata, seu império e suas relações pessoais — e que, além disso, causa um grande escândalo no coração financeiro dos Estados Unidos. Mas, ao longo das décadas, outras versões dessa história vêm à tona: um manuscrito, memórias de uma pessoa ligada ao casal e um diário perdido.

Eu posso estar errado, de Björn Natthiko Lindeblad (19/10)

É muito comum que as coisas não saiam como queremos — na verdade, quase sempre é assim. Então o que pode nos ajudar diante do inesperado? O que pode aliviar nosso sofrimento nos tempos difíceis? Para buscar essas respostas, Björn Natthiko Lindeblad decidiu abraçar as incertezas da vida.

Aos 26 anos, ele resolveu seguir sua voz interior: abriu mão de uma carreira promissora e de seus pertences para se tornar um monge budista da Tradição Tailandesa das Florestas. Por dezessete anos, seguiu as regras da vida monástica, até que um dia aquela mesma voz avisou que era hora de ir em frente. Quando abandonou a túnica e retornou à Suécia, o inesperado novamente aconteceu: foi diagnosticado com esclerose lateral amiotrófica (ELA), uma doença lenta e incurável.

Recomeço, de Tembi Locke (21/10)

Na Sicília, dizem que toda história começa com um casamento ou uma morte. No caso de Tembi Locke, começou com ambos. Quando conheceu Saro, um chef de cozinha, foi amor à primeira vista. Havia apenas um problema: a tradicional família siciliana de Saro não aceitava seu casamento com uma mulher negra, norte-americana e ainda por cima atriz.

Mesmo assim, os dois não desistem da relação: constroem uma vida feliz em Los Angeles, investem na carreira, nas amizades e no amor da vida deles — uma menininha que adotam ainda bebê. Mas, quando finalmente se reconciliam com a família de Saro, ele descobre que está com câncer, o que provoca uma reviravolta na vida de todos.

A narrativa se desenrola a partir dos três verões que Tembi passa com a filha, Zoela, na cidadezinha natal do falecido marido, no interior da Sicília, enquanto tenta reconstruir sua vida.

O amor não morreu, de Ashley Poston (24/10)

Florence é uma ghostwriter com uma brilhante carreira e que, após um término traumático, não acredita mais no amor. Enquanto seu novo (e gato!) editor, Benji, a pressiona para finalizar o próximo livro dentro do prazo, ela recebe a notícia de que seu pai morreu.⠀

Chegando ao funeral, ela encontra um fantasma alto e incrivelmente bonito, que parece tão confuso quanto ela. O amor com certeza está morto… e agora, pelo visto, seu novo editor também. E o assunto inacabado que ainda o prende na Terra fará com que ela duvide de tudo o que sabia sobre histórias de amor.⠀

O caso Alaska Sanders, de Joël Dicker (27/10)

Em abril de 1999, um assassinato agita a pacata cidade de Mount Pleasant, em New Hamphire. O corpo de uma jovem é encontrado na beira de um lago, e com ele um bilhete: “Eu sei o que você fez.” A morte brutal de Alaska Sanders choca os moradores, mas o crime é rapidamente solucionado pela polícia.

Até que, onze anos depois, Perry Gahalowood, um dos encarregados pela investigação na época, recebe uma carta perturbadora dizendo que os então acusados pelo assassinato são inocentes. Com a ajuda do amigo Marcus Goldman, o famoso escritor de A verdade sobre o caso Harry Quebert, Gahalowood decide voltar a Mount Pleasant e descobrir o que de fato aconteceu com Alaska Sanders.

 

LANÇAMENTOS IMPERDÍVEIS DA EDITORA VERUS NO MÊS DE FEVEREIRO FILMES DE ANIMAÇÃO QUE TAMBÉM SÃO COMÉDIAS ROMÂNTICAS LIVROS SOBRE MITOLOGIA GREGA, ALÉM DE PERCY JACKSON LIVROS QUE LEMBRAM “TODOS MENOS VOCÊ” ONDE ASSISTIR OS INDICADOS AO OSCAR 2024? LANÇAMENTOS DA EDITORA ALT EM 2024 Livros que serão adaptados em 2024 Contos natalinos para você ler no Kindle Unlimited Willy Wonka: Conheça as versões do personagem Expansão “Aluga-se” do The sims 4: O que esperar? A Cantiga dos Pássaros e das Serpentes: vale a pena ver? Se o personagem do seu filme favorito fosse uma animação da Pixar Livros de Edgar Allan Poe em A Queda da Casa de Usher Músicas que falam sobre términos Livros com jogadores de futebol americano para você ler Livros do Grupo Editorial Record para o Dia das Crianças Conheça Cyberpunk 2077: Nenhum acaso AMOR E LIVROS! ENTREVISTA EXCLUSIVA COM JENNA EVANS WELCH, AUTORA DE AMOR E GELATO