...

Depois de tanto tempo de espera, chegou a tão aguardada continuação de “A Barraca do Beijo 2”, traz a protagonista com mais presença e segura de si. Joey King retornou com a personagem Elle  numa fase bem mais evoluída e construtiva. O sucesso da Netflix expõe as inseguranças no relacionamento à distância entre os protagonistas Elle e Noah (Jacob Elordi).  Apesar disso é possível notar uma evolução em todo o contexto no qual a jovem se encontra, e até mesmo dos personagens que a cercam.

Além de a narrativa ser mais fluida, o filme acerta melhor o alvo do entretenimento com situações menos absurdas e um foco maior na maturidade da protagonista. Por já conhecermos os demais personagens, é interessante ver que alguns evoluíram bastante. Lee (Joel Courtney) tem sua trajetória diferente do que vimos no primeiro longa, já que agora é ele quem se encontra em um relacionamento sério e tem de lidar com a divisão de atenções entre duas pessoas importantes: a melhor amiga de anos e a namorada que tanto ama.

Problemáticas

As sub-tramas são menos problemáticas se comparadas ao que foi apresentado anteriormente. Entretanto, existe o problema que acaba incomodando durante a experiência de assistir a sequencia é alongar muito (até demais) a principal questão do filme: Noah traiu ou não traiu sua namorada?

Personagens do filme a barraca do beijo 2
As sub-tramas são menos problemáticas se comparadas ao que foi apresentado anteriormente

Ao expor situações ambíguas pelo olhar de Elle, o filme desenrola discussões que poderiam muito bem ser resolvidas rapidamente. A própria personagem não se dá o devido valor ao guardar para si preocupações que têm bastante fundamento. Ainda que em menor escala, essa característica subserviente incomoda.

O cenário pré-faculdade se encaixa muito bem com as questões internas que a garota precisa resolver. Afinal, não se trata apenas de qual faculdade escolher, mas também de como fazer com que isso seja financeiramente possível. Ao mesmo tempo, é um milagre a protagonista ter conseguido resolver a maioria deles. No entanto, fica bastante desconfortável o tempo de tão arrastado para entrarmos na conclusão final.

CONFIRA TAMBÉM: LIVROS X FILMES A BARRACA DO BEIJO

 

Lee e Elle em cena do filme a barraca do beijo 2
clima de comédias românticas lançadas no início dos anos 2000 se mantém presente

 

Conclusão

“A Barraca do Beijo 2” mescla escolhas sérias com diversos momentos descontraídos, incluindo um concurso de dança que pode ajudar a protagonista a bancar a faculdade, um novo interesse amoroso e um melhor relacionamento com Rachel (Meganne Young), namorada de Lee. O clima de comédias românticas lançadas no início dos anos 2000 se mantém presente e, junto do talento de Joey King, a experiência diverte por se isentar de formalidades. Mas é impossível de ignorar que os pontos negativos já citados acabam tornando o longa mais complicado e cheio de questões que precisam ser discutidos.

Séries para quem amou Maxton Hall Bridgerton (3ª): O esperar da parte dois? Séries para você assistir no Dia das Mães As Melhores Trilhas Sonoras de Todos os Tempos Filmes de terror para assistir em maio 2024 FANFICS QUE VIRARAM FILMES PRODUÇÕES SOBRE FÓRMULA 1 A verdade sobre Bebê Rena Rota literária: conheça o aplicativo para leitores Top Filmes com ex-RBD FILMES DA TRILOGIA X DIRIGIDOS POR TI WEST Filmes originais da Netflix que são adaptações literárias Livros com o casal Ídolo e Fã! Filmes que são Dark Fantasy 6 livros da editora Intrínseca para o Dia Internacional da Mulher Histórias de Akira Toriyama Livros com o casal Grumpy x Sunshine FILMES DIRIGIDOS POR HAYAO MIYAZAKI NO STUDIO GHIBLI