Uma segunda chance é o novo livro da Colleen Hoover publicado pela Galera Record e eu estou completamente apaixonada.

Sobre a história

Depois de passar cinco anos na prisão após um trágico acidente, Kenna Rowan retorna à cidade onde tudo deu errado, esperando poder viver ao lado da filha pequena. Mas agora os abismos criados por Kenna parecem instransponíveis. Todos ao redor da sua filha estão determinados a rejeitar Kenna, não importa o quanto ela tente provar que mudou.

A única pessoa que não a ignora é Ledger Ward, dono de um bar e um dos poucos elos que ainda lhe resta com a criança. Porém, se os moradores da cidade desconfiarem de que Ledger vem se tornando importante na vida de Kenna, ambos correrão o risco de perder tudo o que mais importa para eles.

+ Leia também: LIVROS DE COLLEEN HOOVER PUBLICADOS NO BRASIL

Teve um tempo que eu passava longe de algum romance da Colleen Hoover, gostava dos thrillers, mas tinha problemas com os romances. Principalmente aquele com casal muito jovem, a imaturidade dos personagens, algumas situações que não tinham necessidades. Porém de uns tempos pra cá eu tenho dado algumas oportunidades e me apaixonado pelas novas histórias da autora.

Não era para ser um trocadilho, mas o último livro que dei uma chance e me apaixonei foi Uma segunda chance. Essa é uma história muito sensível, com personagens mais maduros, situações que me fizeram refletir sem causar desconforto. Também tem umas ceninhas mais picantes que deixa a história ainda mais envolvente.

Minha opinião

A história é narrada pelo ponto de vista de Kenna e Ledger, alternadamente. Eu amei, pois assim eu conseguia ter uma visão muito mais ampla dos sentimentos de cada um deles. E isso foi importante porque consegui compreender todos os lados da história. Além disso, alguns capítulos começam com cartas escritas por Kenna contando um pouco do passado. Eu achei isso bem legal pois foi uma forma de flashback sem atrapalhar e confundir a linha do tempo.

Uma segunda chance debate sobre como cada um reage diante de uma situação trágica. É muito compreensível os pais do Scotty ter raiva da Kenna, mas também temos que ver o lado dela. Afinal, o acidente também foi um trauma para ela e ninguém quis entender o seu lado, apenas saíram julgando.

Kenna foi uma personagem muito forte e determinada, foi até o fim acreditando que um dia ela conseguiria ficar perto da filha. Por ser um romance é óbvio que teriamos o parzinho dela, mas mesmo se não tivesse ele na história, eu sinto que Kenna conseguiria mostrar o seu melhor lado e conquistar o que queria.

Entretanto, já que temos o Ledger vamos falar dele. Ledger e Kenna teve química logo de cara. Algumas vezes eu queria muito dar uns tapas ele, mas aos poucos vamos entendendo as atitudes e ele ao mesmo tempo vai compreendendo o lado da Kenna e sendo uma grande ancora para ela nos momentos mais complicados.

Conclusão

Atualmente, eu sinto que a Colleen tem amadurecido muito os seus personagens e trazendo histórias mais simples, mas ainda assim reflexivas. Chorar é um requisito básico dos livros da autora, mas neste você chora de felicidade. Foi muito intenso como a autora conseguiu transmitir os sentimentos dos personagens para o leitor. E acho que neste ponto que as histórias dela tem ganhado meu coração.

Uma segunda chance é um livro para +16 anos, com capítulos curtos e uma escrita difícil de largar. Em poucos dias você consegue concluir a história com um quentinho no coração. Então, se você procura um livro para se apaixonar esta é minha dica perfeita!

FILMES DIRIGIDOS POR HAYAO MIYAZAKI NO STUDIO GHIBLI LANÇAMENTOS IMPERDÍVEIS DA EDITORA VERUS NO MÊS DE FEVEREIRO FILMES DE ANIMAÇÃO QUE TAMBÉM SÃO COMÉDIAS ROMÂNTICAS LIVROS SOBRE MITOLOGIA GREGA, ALÉM DE PERCY JACKSON LIVROS QUE LEMBRAM “TODOS MENOS VOCÊ” ONDE ASSISTIR OS INDICADOS AO OSCAR 2024? LANÇAMENTOS DA EDITORA ALT EM 2024 Livros que serão adaptados em 2024 Contos natalinos para você ler no Kindle Unlimited Willy Wonka: Conheça as versões do personagem Expansão “Aluga-se” do The sims 4: O que esperar? A Cantiga dos Pássaros e das Serpentes: vale a pena ver? Se o personagem do seu filme favorito fosse uma animação da Pixar Livros de Edgar Allan Poe em A Queda da Casa de Usher Músicas que falam sobre términos Livros com jogadores de futebol americano para você ler Livros do Grupo Editorial Record para o Dia das Crianças Conheça Cyberpunk 2077: Nenhum acaso