É Assim Que Começa é mais um sucesso de Colleen Hoover, mas você sabe como tudo de fato começou? Nessa continuação tão esperada pelos fãs do livro “É Assim Que Acaba”, temos de volta os mesmos protagonistas que já conhecemos… os mais queridos e os não tão queridos assim.

Aviso: esse post pode conter spoilers do primeiro livro.

Contextualizando, É Assim Que Acaba conta a história do relacionamento conturbado de Lily e Ryle enquanto transita em lembranças do passado e o primeiro amor de Lily, o Atlas. No primeiro livro conhecemos a personalidade do Ryle e pudemos conferir em primeira mão que nem tudo eram flores; e que o temperamento do Ryle nem sempre era um exemplo a ser seguido.

No primeiro livro nos apaixonamos e desapaixonamos pelo Ryle de acordo com suas atitudes e, ao fim, conseguimos compreender – pelo menos um pouco – a atitude da Lily em relação à filha do casal.

Nesse meio tempo tivemos de volta a presença do Atlas. O que antes era só uma paixão adolescente que desvaneceu com o tempo, parece se tornar mais real quando o reencontro dele com a Lily acontece de forma repentina. Mas o que poderia ser uma possibilidade de recomeço acaba caindo por terra quando analisamos a situação onde Lily se encontra com o atual marido.

+ Leia também: Resenha: Uma segunda chance, de Colleen Hoover

Porém, tudo muda em “É Assim Que Começa”.

O que parecia ser impossível de acontecer, finalmente veio ai! Tivemos um final justo e feliz para os personagens, algo que quem está acostumado a ler Colleen Hoover sabe que é dificil de acontecer.

Após o divórcio de Lily e Ryle, que acontece no fim do primeiro livro, os fãs começaram a clamar para que Lily e Atlas tivessem o seu final feliz e foi exatamente isso que a autora quis trazer nessa obra. E eu juro que isso não é um spoiler!

Esse livro alterna entre os pontos de vista de Lily e de Atlas e, na minha humilde opinião, foi algo que deixou esse livro extremamente mais interessante, já que pudemos acompanhar um pouco mais da vida e da infância do Atlas, personagem que ganhou totalmente os nossos corações, e entender os motivos que levaram o personagem a seguir o rumo que ele seguiu. Além disso, conhecemos um pouco mais sobre pessoas que são importantes na vida do personagem.

Lily infelizmente ainda precisa lidar com um ex-marido ciumento e abusivo que nem sempre coopera para que a relação exista de forma pacífica. E, com uma criança pequena presente, nós sentimos a angústia da personagem em ter que lidar com esse tipo de situação.

+ Leia Também: Livros de Colleen Hoover publicados no Brasil

Mais um acerto

Dito isso, É Assim Que Começa é o tipo de história que nos tira risadas, suspiros e lágrimas. Com uma pontada de drama – digno de Colleen Hoover -, nós temos uma leitura completa. Quem já é fã da Lily e dos Atlas com certeza vai se apaixonar mais ainda por eles nesse livro.

Com diversas frases marcantes, a vontade que temos é de marcar quase o livro inteiro e reler essas passagens sempre que tivermos saudades dos personagens e da história. Esse com certeza é um livro que vale muito a pena ser lido não apenas uma, mas diversas vezes. É um lembrete constante para continuar acreditando no amor.

“Continue a nadar.”

FILMES DIRIGIDOS POR HAYAO MIYAZAKI NO STUDIO GHIBLI LANÇAMENTOS IMPERDÍVEIS DA EDITORA VERUS NO MÊS DE FEVEREIRO FILMES DE ANIMAÇÃO QUE TAMBÉM SÃO COMÉDIAS ROMÂNTICAS LIVROS SOBRE MITOLOGIA GREGA, ALÉM DE PERCY JACKSON LIVROS QUE LEMBRAM “TODOS MENOS VOCÊ” ONDE ASSISTIR OS INDICADOS AO OSCAR 2024? LANÇAMENTOS DA EDITORA ALT EM 2024 Livros que serão adaptados em 2024 Contos natalinos para você ler no Kindle Unlimited Willy Wonka: Conheça as versões do personagem Expansão “Aluga-se” do The sims 4: O que esperar? A Cantiga dos Pássaros e das Serpentes: vale a pena ver? Se o personagem do seu filme favorito fosse uma animação da Pixar Livros de Edgar Allan Poe em A Queda da Casa de Usher Músicas que falam sobre términos Livros com jogadores de futebol americano para você ler Livros do Grupo Editorial Record para o Dia das Crianças Conheça Cyberpunk 2077: Nenhum acaso