...
resenha de anne de avonlea

resenha de anne de avonlea

Anne de Avonlea é uma leitura extremamente prazerosa e aconchegante. Neste livro conhecemos o lado mais maduro e responsável da personagem ao enfrentar suas novas aventuras e desafios.

Antes de continuar é bom alerta que esse é um daqueles livros que você tem que ler com pouca expectativa, principalmente se você assistiu a série e tem um apreço por ela. Afinal as coisas que acontecem neste livro são acontecimentos que dão continuidade ao fim da série, mas ainda assim com uma pegada bem diferente. Aliás, na série temos uma Anne muito mais determinada e com causas sociais que nos livros.

Agora com 16 anos, Anne é a nova professora da escola de Avonlea, aquela em que frequentava quando mais jovem. Além disso, ela faz parte do Clube de Melhorias da cidade ao lado dos seus melhores amigos, Diana Barry e Gilbert Blyte. Esse último por sua vez eu esperava que tivesse mais cenas ao lado da protagonista. Gente esse casal é a coisa mais fofa e merecia mais páginas dedicadas a eles, mas já dá para encher meu coração de ansiosa com o próximo livro em que sei que eles estarão mais próximos.

Mesmo com foco nas aventuras de Anne também temos uma história paralela, de novos personagens, de aquecer os corações dos mais apaixonados. Outro acontecimento são os novos moradores de Green Gables que deixa Anne e Marillia de cabelos em pé!

Neste livro conhecemos o lado mais maduro e responsável da personagem
Neste livro conhecemos o lado mais maduro e responsável da personagem

Eu comecei essa leitura já esperando algo bem cansativo e maçante, afinal é uma história de 1909, então já esperava situações que iriam me incomodar e uma escrita bem arrasta. Porém estava errada em relação a escrita. Assim como o primeiro, a história é leve e fluída que nem dá para perceber os acontecimentos passarem. Me senti em Prince Edward Island enquanto lia, pois a escrita da autora é muito gostosa e simplesmente envolvente. A tradução por sua vez também teve um papel bem importante e muito boa porque mesmo sendo um livro antigo não possuiu muitas palavras rebuscadas e complexas. Se não fosse pelas situações apresentadas até diria que não é um livro tão antigo assim. Fora Isso essa edição da Editora Autentica é um luxo a parte.

Para ficar 100% imersa na história eu tive a louca ideia de ler o primeiro e o segundo ao mesmo tempo (na verdade comecei o segundo quando já estava em 50% do primeiro). Pode ser difícil de acreditar, mas foi uma das melhores experiencias, pois consegui ver direitinho o desenvolvimento de Anne e o quanto aquela menina boba em Green Gables é uma mulher espetacular e poderosa. Além disso, quase nada interferiu na história, até porque o livro e bem previsível e você consegue imaginar muito bem quais serão os próximos passos da personagem. Mas nada disso faz a magia dessa obra perder seu encanto. Leia Anne, acompanhe essa personagem tão cheia de vida e apaixone-se por ela.

COMPRE AQUI A EDIÇÃO DE ANNE DE AVONLEA! 

Bridgerton (3ª): O esperar da parte dois? Séries para você assistir no Dia das Mães As Melhores Trilhas Sonoras de Todos os Tempos Filmes de terror para assistir em maio 2024 FANFICS QUE VIRARAM FILMES PRODUÇÕES SOBRE FÓRMULA 1 A verdade sobre Bebê Rena Rota literária: conheça o aplicativo para leitores Top Filmes com ex-RBD FILMES DA TRILOGIA X DIRIGIDOS POR TI WEST Filmes originais da Netflix que são adaptações literárias Livros com o casal Ídolo e Fã! Filmes que são Dark Fantasy 6 livros da editora Intrínseca para o Dia Internacional da Mulher Histórias de Akira Toriyama Livros com o casal Grumpy x Sunshine FILMES DIRIGIDOS POR HAYAO MIYAZAKI NO STUDIO GHIBLI LANÇAMENTOS IMPERDÍVEIS DA EDITORA VERUS NO MÊS DE FEVEREIRO