O livro dos mortos é o novo romance do autor de O cheiro do ralo, Lourenço Mutarelli. Com um misto de autobiografia e ficção a Companhia das letras traz um dos maiores autores brasileiros em sua melhor forma.

Sobre o livro:

Pompeu Porfírio Júnior ganha a vida contando histórias: as pessoas lhe pagam para que sente ao lado delas e conte o que viveu. Como um intermediário-inventor, Pompeu arquiteta mundos para que elas os habitem. Ali, se apaixonam, se decepcionam, gozam e sofrem.

Contudo, Pompeu tem seus demônios particulares e, ao ser denunciado ao tribunal da inquisição, passa a responder por crimes que não conhecia. Sem saber quem o acusara, o contador de histórias relembra sua vida e dela monta um caleidoscópio, revisitando, na companhia do leitor, desde a infância até a maioridade e ao infarto que quase o matou.

O que esperar do Livro dos Mortos?

O livro dos mortos é um misto de autoficção e narrativa insólita, própria de Mutarelli. Este livro retoma o estilo que o consagrou em O cheiro do ralo e aprofunda uma das questões mais importantes de sua obra: quais os limites da narrativa (seja ficcional seja histórica) e até onde ela nos constrói.

Em poucas palavras Lourenço Mutarelli constrói uma literatura grandiosa. Não é uma leitura apenas para ser consumida, mas também analisado com carinho. Afinal, a escrita de Mutarelli é frenética e tem um ritmo maravilhoso.  Quem quer conhecer novos autores nacionais não pode deixar as obras do autor de fora.

Sobre o autor

Lourenço Mutarelli nasceu em 1964, em São Paulo. Publicou diversos álbuns de quadrinhos, entre eles Transubstanciação (1991) e a trilogia do detetive Diomedes: O dobro de cinco, O rei do ponto e A soma de tudo I e II. Escreveu peças de teatro — reunidas em O teatro de sombras (2007) — e os livros de ficção O cheiro do ralo (2002, adaptado para o cinema em 2007); O natimorto (2004, adaptado para o cinema em 2008); A arte de produzir efeito sem causa (2008, adaptado para o cinema em 2014); Miguel e os demônios (2009); Nada me faltará (2010); O grifo de Abdera (2015) e O filho mais velho de Deus e/ou Livro IV (2018).

FILMES DIRIGIDOS POR HAYAO MIYAZAKI NO STUDIO GHIBLI LANÇAMENTOS IMPERDÍVEIS DA EDITORA VERUS NO MÊS DE FEVEREIRO FILMES DE ANIMAÇÃO QUE TAMBÉM SÃO COMÉDIAS ROMÂNTICAS LIVROS SOBRE MITOLOGIA GREGA, ALÉM DE PERCY JACKSON LIVROS QUE LEMBRAM “TODOS MENOS VOCÊ” ONDE ASSISTIR OS INDICADOS AO OSCAR 2024? LANÇAMENTOS DA EDITORA ALT EM 2024 Livros que serão adaptados em 2024 Contos natalinos para você ler no Kindle Unlimited Willy Wonka: Conheça as versões do personagem Expansão “Aluga-se” do The sims 4: O que esperar? A Cantiga dos Pássaros e das Serpentes: vale a pena ver? Se o personagem do seu filme favorito fosse uma animação da Pixar Livros de Edgar Allan Poe em A Queda da Casa de Usher Músicas que falam sobre términos Livros com jogadores de futebol americano para você ler Livros do Grupo Editorial Record para o Dia das Crianças Conheça Cyberpunk 2077: Nenhum acaso