...

“Coraline e o Mundo Secreto” não só assustou muitas crianças, como também foi indicado ao Oscar e ao Globo de Ouro de Melhor Animação em 2010. Baseada na obra de um dos mestres de literatura fantástica, Neil Gaiman, publicado em 2002, o filme chamou a atenção por ser uma adaptação bastante fiel ao livro, principalmente nos diálogos. É claro que sempre existem diferenças, por isso hoje vamos te contar algumas das diferenças entre o livro e sua adaptação em stop-motion, com direção e roteiro de Henry Slick.

Atenção: Caso você não viu o filme ou leu o livro, o texto contém spoilers

 

Os terriers escoceses das senhoras Spink e Forcible:

Quando, no Outro Mundo, Coraline vai até a “casa-teatro” das senhoras Spink e Forcible, ela se depara com uma plateia formada com os cães das senhoras. Porém, no livro, eles não são só a plateia como também recebem os tickets, falam, interagindo com ela durante o espetáculo, e comem somente bombons de chocolate.  Aliás, o nome dos três cães vivos do mundo real são Hamish, Andrew e Jock.

Senhoras Spink e Forcible do filme Coraline
Senhoras Spink e Forcible

 Wyborne:

No filme, Coraline faz amizade com o neto da dona da mansão, Wyborne, porém, esse personagem não existe no livro. Ele foi feito para ajudar a menina a conhecer ao novo local, já que a trama do livro se passa por um longo tempo acompanhando as explorações dela. As adaptações do roteiro foram muito bem feitas para deixar o filme dinâmico e a criação de Wyborne nos ajuda a avançar na história e também explorar a personalidade de alguns personagens. Um exemplo é a cena que “Wybe” mostra o espelho onde os pais de Coraline estão presos. No livro, sem ele, a protagonista leva aproximadamente dois dias para encontrá-los sozinha.

O “Outro Pai”:

Enquanto que no filme, o “Outro Pai” de Coraline a vê pela última vez no jardim que criou para ela, no livro seu último encontro é muito mais assustador e explora o outro apartamento da mansão. Durante a procura pela alma das crianças-fantasma, ela entra no porão e encontra o que costumava ser o “Outro Pai”, mas agora era “uma coisa pálida e inchada como uma larva, as pernas e os braços finos como varas. Quase não havia traços em seu rosto, que se inchara e inflara como massa de pão fermentada”. O cheiro era como vinho azedo e pão embolorado, a coisa que um dia foi seu pai, agora de desfazia e a perseguia. Provavelmente, essa parte foi modificada por ser bem pesada e sentimental, já que Coraline sente pena do que a “Outra Mãe” faz com ele, pois,claramente, não quer atacá-la, mas é obrigado a isso.

O sonho e a mão da Bela Dama:

Uma cena bastante marcante na obra literária ocorre logo após de fugir do “Outro Mundo”. Coraline sonha com as crianças-fantasma que avisam sobre a mão da “Outra Mãe” que está atrás da chave. Por isso, arma uma emboscada para Bela Dama, no qual faz um piquenique com suas bonecas Jemima, Rosinha e Primavera, pegou a chave da porta que estava num cordão em seu pescoço e colocou na toalhinha de papel, junto das xícaras e pratinhos de brinquedo, tudo escondendo perfeitamente o poço. Assim, quando a mão vem decidida pegar a chave, ela cai perfeitamente no fundo poço.

O sonho e a mão da Bela Dama
O sonho e a mão da Bela Dama

Cenários e elementos:

Mesmo que a adaptação cinematográfica seja fiel, é possível notar as alterações, principalmente com as cores. No livro, os olhos do gato na verdade são verdes, as luvas que Coraline quer na loja de uniformes são verde-limão e não alaranjadas, o casaco do Sr. Bobinski é vermelho e a roupa mais conhecida de Coraline na verdade tem as cores ao contrário: o casaco é azul e as galochas amarelas. A cor da mansão não é mencionada, sendo que tanto o nome quanto a informação da “Mansão Cor-de-rosa” é exclusivo do filme. A porta que no filme é pequena como a de “Alice no País das Maravilhas” e coberta com papel-de-parede, na verdade, é uma grande porta antiga de madeira.

 

Recentemente a editora Intrínseca publicou uma edição especial capa dura, confira clicando aqui.

Bridgerton (3ª): O esperar da parte dois? Séries para você assistir no Dia das Mães As Melhores Trilhas Sonoras de Todos os Tempos Filmes de terror para assistir em maio 2024 FANFICS QUE VIRARAM FILMES PRODUÇÕES SOBRE FÓRMULA 1 A verdade sobre Bebê Rena Rota literária: conheça o aplicativo para leitores Top Filmes com ex-RBD FILMES DA TRILOGIA X DIRIGIDOS POR TI WEST Filmes originais da Netflix que são adaptações literárias Livros com o casal Ídolo e Fã! Filmes que são Dark Fantasy 6 livros da editora Intrínseca para o Dia Internacional da Mulher Histórias de Akira Toriyama Livros com o casal Grumpy x Sunshine FILMES DIRIGIDOS POR HAYAO MIYAZAKI NO STUDIO GHIBLI LANÇAMENTOS IMPERDÍVEIS DA EDITORA VERUS NO MÊS DE FEVEREIRO