...
coringas no cinema

Todo mundo sabe que o Coringa é o maior arqui-inimigo do Batman e é considerado um dos vilões mais famosos da história, um patamar que nem Mulher Gato ou Charada, muito menos o Pinguim, conseguiram chegar. Quase 70 anos depois que o primeiro exemplar do cavaleiro das trevas chegou às bancas, ele conseguiu ganhar uma popularidade tão alta que compete com o próprio herói. Ele é retratado ao mesmo tempo como um brincalhão inofensivo e sociopata vicioso, um homem que é parte psicopata, parte pateta, metade comediante e metade demente. Criado por Bob Kane e Bill Finger em 1940, o Joker – com seu cabelo verde, pele branca e sorriso permanente – foi inspirado nas fotos de Conrad Veidt do filme mudo “The Man Who Laughs”. Desde então, ele se manteve o mais frequente dos arqui-inimigos do Batman, com uma ampla galeria de trapaças.

Muito da sua fama se deve, principalmente para o grande público, aos grandes atores que o interpretaram nas telas. Começando pelo Cesar Romero, que deu vida ao personagem na série cômica do Batman nos anos 60. Com uma versão mais canastrona, ele foi o primeiro a assumir “o manto”. Romero já declarou algumas vezes que, durante sua participação na série, sofria de constantes dores de cabeça e vivia estressado. Filho de uma herdeira cubana com um empresário italiano, Romero se recusou a raspar o bigode na época, o qual dá pra ver que foi pintado de branco para as gravações. Na época, as canalhices do Joker eram bem mais inocentes, como por exemplo, encher os reservatórios de água de Gotham City de gelatina.

Jack Nicholson foi o segundo que atuou como o vilão. Através do filme de Tim Burton, o ator é considerado por uma boa leva de especialistas como o melhor Coringa dos cinemas. Jack conseguiu trazer a veia cômica do personagem aliada a sua forte loucura e maldade que tanto lhe caracterizam, algo que tinha sumido nos quadrinhos, e que voltara na década de 80, com as histórias “A Piada Mortal” e “Batman – O Cavaleiro das Trevas”. O filme e sua atuação contribuíram e muito para que o público visse o quão grandioso era esse personagem.
Porém, tudo mudou em 2008. Impulsionado já pela onda atual de filmes de super-heróis, o diretor Christopher Nolan fez a trilogia de sucesso dos novos filmes do Batman. Com uma pegada mais realista e sombria, o diretor chamou Heath Ledger para assumir o papel do vilão. Com um desempenho impecável, trazendo uma versão que não tínhamos visto até então, de um Coringa anarquista e cruel, o ator australiano conseguiu um Oscar de melhor ator coadjuvante, e entrou de vez no coração dos fãs e dos amantes de cinema. Infelizmente Heath faleceu antes mesmo de o filme estrear e não pôde dar continuidade ao seu grande sucesso. Muitos dizem que ele é o Coringa definitivo e que até nem precisa mais ter o personagem nas telonas, pois nunca mais alguém conseguirá fazer algo do tipo.

Chega a vez de Jared Leto. O ator, que vinha numa ótima fase, com um Oscar no currículo e várias atuações respeitadas pela crítica, resolveu interpretar o “agente do caos” no cinema. Desde a primeira foto caracterizado, passando por entrevistas dos atores do filme, elogiando sua atuação nos sets e depoimentos de que ele tinha sofrido da “maldição do Coringa”, pois não estava conseguindo sair mais do personagem, a expectativa em torno de sua atuação foi se tornando gigantesca. E o resultado final foi bem dividido. Muitos gostaram dessa repaginada, uma versão mais moderna do vilão, outros já preferem o estilo mais clássico e não curtiram tanto o foco no romance dele com a Arlequina e sua interpretação.

O próximo que assumirá o papel será o ator Joaquin Phoenix, que já foi indicado ao Oscar por Gladiador, Johnny & June e O Mestre. Possivelmente baseado em A Piada Mortal, de Alan Moore, a intenção é que o filme derivado do vilão seja mais “pé no chão”, situado no início dos anos 80 e parecido com longas como Táxi Driver e Touro Indomável, ambos de Martin Scorsese. Todd Phillips, conhecido por Se Beber, Não Case, vai escrever o roteiro ao lado de Scott Silver e dirigir a produção. O diretor, inclusive, divulgou em seu Instagram a primeira foto de Coringa, que mostra Joaquin Phoenix como Arthur, o protagonista do longa, antes de se transformar no Rei Palhaço do Crime. Já é possível observar a transformação física que Phoenix passou para assumir o papel do personagem, tendo perdido muito peso. Outras fotos vazadas dos bastidores mostram o ator como o mesmo visual, então Arthur deve aparecer em boa parte do filme antes de virar o icônico antagonista do Batman. Mesmo não tendo muitas informações sobre, podemos esperar um possível marco na história desse personagem.

Bridgerton (3ª): O esperar da parte dois? Séries para você assistir no Dia das Mães As Melhores Trilhas Sonoras de Todos os Tempos Filmes de terror para assistir em maio 2024 FANFICS QUE VIRARAM FILMES PRODUÇÕES SOBRE FÓRMULA 1 A verdade sobre Bebê Rena Rota literária: conheça o aplicativo para leitores Top Filmes com ex-RBD FILMES DA TRILOGIA X DIRIGIDOS POR TI WEST Filmes originais da Netflix que são adaptações literárias Livros com o casal Ídolo e Fã! Filmes que são Dark Fantasy 6 livros da editora Intrínseca para o Dia Internacional da Mulher Histórias de Akira Toriyama Livros com o casal Grumpy x Sunshine FILMES DIRIGIDOS POR HAYAO MIYAZAKI NO STUDIO GHIBLI LANÇAMENTOS IMPERDÍVEIS DA EDITORA VERUS NO MÊS DE FEVEREIRO