O filme A Babá é a grande aposta da plataforma de streaming Netflix para o mês do Halloween, e para fugir do tradicional terror que dá medo, eles apostaram em uma comédia que não abandona de jeito nenhum a sanguinolência do bom e velho filme trash.

Com uma premissa bem exagerada e maluca, McG, o mesmo diretor de O Exterminador do Futuro – A Salvação, dirige o filme acompanha uma noite sem fim do jovem Cole, que com seus 12 anos ainda tem uma babá, e a mesma realiza cultos satânicos enquanto o garoto dorme. Após a babá descobrir que o garoto testemunhou todo o sacrifício, começa a longa e sem fim caçada para pegá-lo.

O filme possui boas referências de “Todo mundo em pânico”, com muitas cenas que se encaixariam perfeitamente em um filme da série. E assim como a franquia, ele aposta no exagero para chamar atenção e prender o telespectador. Diálogos curtos, muito sangue, efeitos de imagem nos momentos de tenção e uma trilha sonora que se encaixa muito bem dando o clímax do filme, são uns dos pontos altos. Ele é uma crítica à sociedade moderna em que as pessoas são pautadas na imagem perfeita. A não luta para obter o que deseja, a futilidade e superficialidade nos relacionamentos.

Outra coisa muito boa são as atuações, Samara Weaving (Bee) e o jovem Judah Lewis (Cole) fizeram uma dupla e tanto, o contraponto dos dois era na medida certa. Enquanto ela era uma vilã sexy, séria e ao mesmo tempo com cara de boazinha, ele era o jovem bobão que ainda é tratado como criança pelos pais e no fundo quer ser machão. Ah, não podemos deixar de falar da nova queridinha do Netflix, Bella Thorne. Ela não é destaque do filme, mas consegue se sobressair como uma boa e burra líder de torcida.

Para quem é um bom observador, algumas coisas incomodam no filme. Erros de sequências são bem constantes. Ok, dá para relevar se pararmos para pensar que é proposital, mas mesmo assim pode acabar irritando e faz com que algumas cenas percam o sentindo.

Além de ser um filme que busca resgatar o estilo trash, é um escape para quem quer curtir o dia das bruxas vendo um terrorzinho mas não quer se arriscar no susto. A Babá é uma boa saída para quem quer se divertir e curtir uns sanguinhos ao mesmo tempo.

 

FILMES DA TRILOGIA X DIRIGIDOS POR TI WEST Filmes originais da Netflix que são adaptações literárias Livros com o casal Ídolo e Fã! Filmes que são Dark Fantasy 6 livros da editora Intrínseca para o Dia Internacional da Mulher Histórias de Akira Toriyama Livros com o casal Grumpy x Sunshine FILMES DIRIGIDOS POR HAYAO MIYAZAKI NO STUDIO GHIBLI LANÇAMENTOS IMPERDÍVEIS DA EDITORA VERUS NO MÊS DE FEVEREIRO FILMES DE ANIMAÇÃO QUE TAMBÉM SÃO COMÉDIAS ROMÂNTICAS LIVROS SOBRE MITOLOGIA GREGA, ALÉM DE PERCY JACKSON LIVROS QUE LEMBRAM “TODOS MENOS VOCÊ” ONDE ASSISTIR OS INDICADOS AO OSCAR 2024? LANÇAMENTOS DA EDITORA ALT EM 2024 Livros que serão adaptados em 2024 Contos natalinos para você ler no Kindle Unlimited Willy Wonka: Conheça as versões do personagem Expansão “Aluga-se” do The sims 4: O que esperar?