...

O bordão que marcou o ano agora chegou em uma obra literária.Se você já viu algum vídeo do Choque de Cultura, sabe como ele marcou o cinema e os caminhoneiros. Com personagens ficcionais, um grupo de humoristas criou um programa para web, no site Omelete, onde “pilotos” de vans, comentam e dão sua opinião sobre obras cinematográficas. Um sucesso no meio digital, não demorou muito para que o programa também ganhasse espaço na TV e agora surge como livro. Tal qual o programa na web, o livro, publicado pela Galera Record, apresenta 79 resenhas sobre filmes, feitas pelos pilotos. Filmes que eles acreditam serem bons o suficiente pra poder ser vistos enquanto se dirige. De clássicos do cinema norte americano a produções brasileiras, passando por filmes que conhecemos como filmes da “sessão da tarde”, os quatro pilotos trazem um panorama, apresentando pontos positivos e negativos sobre os filmes por eles apresentados.

“O filme Matrix começa com um pessoalzinho chamando o jovem Neo pra curtir uma música e, como ambiente de música é ambiente de droga – infelizmente eu vou ter que repetir isso aqui-, o idiota foi e se deu mal.” (Rogerinho do Ingá)

Uma das coisas que realmente marcam no livro é como a escrita ficou próxima a fala dos pilotos no programa. Enquanto a leitura flui, em muitos momentos eu me peguei lendo com a voz do Rogerinho, do Renan, do Maurílio e do Raul. Isso já mostra que a essência dos personagens não é ignorada, sendo um detalhe incrível. Outro aspecto foi que logo no início do livro a gente encontra uma mini biografia de cada um dos pilotos, coisa que no programa a gente não tem. É muito interessante formar uma imagem completa deles na mente.

Com “resenhas” que vão de filmes novos e atuais, como “O Lobo de Wall Street”, até clássicos como “Curtindo a vida adoidado”, fica claro que a informalidade que os personagens apresentam em seu quadro na internet (e agora aos domingo na Globo) também foram repassados para o papel, que traz o que eles fazem de melhor: encontrar motivos completamente alucinados para se amar pequenos detalhes em filmes que você jamais iria pensar sobre. Ainda quero assinalar a piada que a própria sinopse do filme traz sobre Julinho ter “esquecido de entregar a resenha de ‘E se fosse você 2’”, porque no 1º programa do grupo na internet, eles falaram justamente que “a complexidade que há nesse filme é tão grande que precisariam de um programa de 6 horas para conseguir falar sobre”. E sabe quem faz uma “participação especial”? Renanzinho, com diversos desenhos ao longo do livro.

De maneira extrovertida e leve, o livro ‘ 79 Filmes para Assistir Enquanto Dirige’, não só diverte como instiga o leitor a conhecer as obras cinematográficas por eles apresentadas. Esse é um daqueles livros plurais que possa agradar ao mais variado público, até aqueles que não conhecem o quadro. Se você é fã do grupo composto pelos comediantes e atores Caíto Manier, Daniel Furlan, Raul Chaquer e Leandro Ramos, pode cair de cabeça na leitura porque é “Choque de Cultura” puro, falando sobre filmes que amamos e até mesmo dando informações importantíssimas para não passarmos feio falando sobre os filmes, já como a gente tá lendo o livro pra não precisar ver o filme, segundo os próprios.

Bridgerton (3ª): O esperar da parte dois? Séries para você assistir no Dia das Mães As Melhores Trilhas Sonoras de Todos os Tempos Filmes de terror para assistir em maio 2024 FANFICS QUE VIRARAM FILMES PRODUÇÕES SOBRE FÓRMULA 1 A verdade sobre Bebê Rena Rota literária: conheça o aplicativo para leitores Top Filmes com ex-RBD FILMES DA TRILOGIA X DIRIGIDOS POR TI WEST Filmes originais da Netflix que são adaptações literárias Livros com o casal Ídolo e Fã! Filmes que são Dark Fantasy 6 livros da editora Intrínseca para o Dia Internacional da Mulher Histórias de Akira Toriyama Livros com o casal Grumpy x Sunshine FILMES DIRIGIDOS POR HAYAO MIYAZAKI NO STUDIO GHIBLI LANÇAMENTOS IMPERDÍVEIS DA EDITORA VERUS NO MÊS DE FEVEREIRO