...

Estreou essa semana na Netflix o romance A Última Carta de amor, estrelado por Shailene Woodley (Big Little Lies e Divergente); Felicity Jones (A Teoria de Tudo e Star Wars); Callum Turner; Joe Alwyn e Nabhaan Rizwan. 

O filme é uma adaptação do livro homônimo de Jojo Moyes, e foi lançado em 2008. A autora é conhecida por romances repletos de drama e reviravoltas. Jojo Moyes também foi responsável pela obra Como Eu Era Antes de Você, que foi adaptada em 2016 e estrelada por Emilia Clarke e Sam Claffin. 

“Me fez pensar como minha geração pode ter sido a última a escrever cartas de amor e como a nova tecnologia pode ter influenciado uma fraqueza do romance. Eu não posso acreditar que um status do facebook ou uma mensagem de pegação tenham o mesmo impacto, ou a latente alegria, de uma carta escrita à mão, fechada com um laço e escondida em alguma caixa por aí!”, contou Jojo Moyes para o CBSNews após ser questionada sobre a história do livro.

Assista ao trailer abaixo: 

Sobre a história:

O filme se passa em uma Londres, na década de 1960 e mostra a socialite Jennifer Stirling (Shailene Woodley) acordando de um acidente de carro com sua memória afetada. 

De volta a sua casa com seu marido, um rico e poderoso homem de negócios estrelado por Joe Alwyn, ela tenta, em vão, se adaptar à vida antiga. Por mais que tudo pareça perfeito, é exatamente o que causa estranheza a ela. É perfeito até demais. Nada parece muito natural. É quando encontra, vasculhando em seus livros, uma carta de amor misteriosa endereçada a ela e assinada apenas por B. (Callum Turner).

A Última Carta de Amor, disponível na Netflix

O filme possui duas linhas do tempo. Nós somos transportados até a atualidade ao mesmo tempo que conhecemos a história de Jennifer. Mais ou menos quatro décadas depois, temos a jornalista Elle (Felicity Jones) que está trabalhando em uma matéria. É quando ela, em conjunto com o arquivista (Nabhaan Rizwan), encontram uma dessas cartas e se juntam para investigar o que de fato aconteceu.

Enquanto Jennifer descobre que estava vivendo um amor proibido fora do casamento, Elle, 40 anos depois, faz de tudo para entender que fim levou os dois amantes das cartas e nem desconfia que, ao fazer isso, talvez encontre uma solução para os problemas do seu próprio relacionamento.

Uma história de amor para torcer e suspirar. 

Determinados momentos da história são fáceis de prever. Porém, ficamos o tempo todo na tensão para saber se a história de B. e Jennifer terá um final feliz.

Eu li A Última Carta de Amor há muito tempo, então não lembro muito de certos detalhes. Mas, pelo que notei, modificaram pouquíssimas coisas da história original. 

Lembro que durante a leitura tive bastante dificuldade de entender em que momento os acontecimentos ocorriam. No livro, após o acidente, a personagem principal fica com uma cicatriz no rosto. Dessa forma fica mais fácil de compreender a ordem da história.

No mais, afirmo que não sou uma expert, mas digo com certeza que a fotografia e a trilha sonora desse filme estão impecáveis. Tudo transporta a gente para um mundo completamente diferente e mergulhamos na história desse casal. É um filme lindo e que aquece a alma. 

Compre o livro na Amazon:

 

Séries para quem amou Maxton Hall Bridgerton (3ª): O esperar da parte dois? Séries para você assistir no Dia das Mães As Melhores Trilhas Sonoras de Todos os Tempos Filmes de terror para assistir em maio 2024 FANFICS QUE VIRARAM FILMES PRODUÇÕES SOBRE FÓRMULA 1 A verdade sobre Bebê Rena Rota literária: conheça o aplicativo para leitores Top Filmes com ex-RBD FILMES DA TRILOGIA X DIRIGIDOS POR TI WEST Filmes originais da Netflix que são adaptações literárias Livros com o casal Ídolo e Fã! Filmes que são Dark Fantasy 6 livros da editora Intrínseca para o Dia Internacional da Mulher Histórias de Akira Toriyama Livros com o casal Grumpy x Sunshine FILMES DIRIGIDOS POR HAYAO MIYAZAKI NO STUDIO GHIBLI