...

Prontos para começar o ano com muitos livros legais? Vem que te mostro os lançamentos da editora Intrínseca para o mês de janeiro! Tem muita coisa boa.

As margens e o ditado, Elena Ferrante (04/01)

Ao longo de quatro textos — três palestras inicialmente escritas para os cidadãos de Bolonha, por ocasião das Umberto Eco Lectures, e um ensaio do encerramento da Conferência de Italianistas sobre Dante e outros clássicos —, Ferrante fala de suas influências, lutas e sua formação intelectual; descreve os perigos do que ela chama de “língua ruim” e sugere maneiras pelas quais a tradição há muito excluiu a voz das mulheres. Partindo de suas brilhantes reflexões a respeito dos trabalhos de Emily Dickinson, Gertrude Stein, Ingeborg Bachmann e outras, a autora propõe uma fusão do talento feminino.

O chamado da coragem, Ryan Holiday (05/01)

Seja na filosofia, na poesia, na literatura ou no cinema, as grandes histórias são protagonizadas por indivíduos que conseguiram demonstrar coragem diante de situações difíceis. A partir de exemplos como Martin Luther King Jr., Abraham Lincoln, Rosa Parks e muitos outros, da Antiguidade aos tempos atuais, Ryan Holiday nos mostra como responder ao chamado do destino e tomar atitudes enquanto outros recuam.

Boa garota nunca mais, Holly Jackson (09/01)

Na aguardada conclusão da série Manual de assassinato para boas garotas, cujos primeiros livros já venderam mais de 60 mil exemplares no Brasil, Pip terá que reunir forças para salvar a si mesma. O primeiro volume será adaptado para uma série de seis episódios pela Moonage Pictures, produtora responsável por Peaky Blinders, com distribuição do BBC Studios.

Táticas do amor, Sarah Adams (13/01)

Bree Camden está totalmente apaixonada pelo melhor amigo, a lenda do futebol americano Nathan Donelson, um homem lindo de morrer. O único problema é que ela não pode revelar seus sentimentos, pois ele claramente a vê apenas como sua melhor amiga, sem nenhum potencial para algo mais. E tudo bem, porque a garota tem preocupações maiores em mente.

Os oito vestidos Dior, Jade Beer (20/01)

Não há ninguém que Lucille adore mais do que sua amada avó Sylvie. Por isso, quando ela pede sua ajuda para resolver um assunto pendente, a neta fica feliz em atendê-la. O que Lucille não esperava é que sua mais nova missão fosse recuperar um inestimável vestido Dior em Paris. Mas nem tudo é o que parece, e agora Lucille precisa percorrer a cidade à procura de respostas.

Quando os pássaros voltarem, Fernando Aramburu (20/01)

Com o mesmo estilo de Pátria, que vendeu mais de 1 milhão de exemplares na Espanha, Fernando Aramburu apresenta uma história fragmentada no tempo e contada em capítulos curtos, agora sobre um professor de ensino médio de história da filosofia que decide pôr fim à própria vida.

Marketing do amor, Renato Ritto (26/01)

A vida adulta às vezes parece uma sequência de perrengues. Thiago que o diga. Ele é diretor de arte na caótica Agência Brilho, tem uma família intrometida, boletos para pagar, um gato extremamente mimado e uma coleção de inseguranças. Para piorar, seus pais decidiram dar uma festa junina que tem tudo para virar caso de polícia.

Filmes de romance icônicos na MAX Filmes de romance com Glen Powell Lista com todos os filmes com Barry Keoghan Fantasias que são volume único Doze indicações da Intrínseca para o Dia do Orgulho Geek Séries para quem amou Maxton Hall Bridgerton (3ª): O esperar da parte dois? Séries para você assistir no Dia das Mães As Melhores Trilhas Sonoras de Todos os Tempos Filmes de terror para assistir em maio 2024 FANFICS QUE VIRARAM FILMES PRODUÇÕES SOBRE FÓRMULA 1 A verdade sobre Bebê Rena Rota literária: conheça o aplicativo para leitores Top Filmes com ex-RBD FILMES DA TRILOGIA X DIRIGIDOS POR TI WEST Filmes originais da Netflix que são adaptações literárias Livros com o casal Ídolo e Fã!