Veja mais sobre o livro "O Pequeno Caderno das coisas não ditas"

Livro de Clare Pooley, "O Pequeno Caderno das coisas não ditas"

Sendo um enredo que apresenta inúmeras perspectivas, vamos comentar a respeito do livro de Clare Pooley, “O Pequeno Caderno das coisas não ditas”. Lançado pela Editora Verus, a produção conta com personagens intrigantes que se unem devido a um caderno. Assim sendo uma forma em que as histórias se cruzam e envolve o leitor do início ao fim. Tudo com um toque de doçura e leveza. Portanto, veja tudo sobre “O Pequeno Caderno das coisas não ditas”:

Confira também: Conheça o livro , “O Pequeno Caderno das coisas não ditas”, de Clare Pooley

Personagens divergentes, mas que se completam:

A história começa quando o solitário e excêntrico idoso Julian decide deixar um caderninho verde cheio de perguntas, junto com o relato da vida do recluso artista. Esquecido numa das mesas de seu café, Monica o encontra e decide escrever sua própria verdade antes de passar o objeto para a frente. Desse modo, o objeto passa por algumas pessoas. Ainda mais conhecemos o problemático Hazard, a mãe e influencer exausta Alice, o doce Riley entre vários outros personagens. Eventualmente, eles participam da ideia e, é claro, nos envolvemos com todos eles.

É fato que “O Pequeno Caderno das coisas não ditas” nos leva para os momentos mais íntimos e envolventes dessas figuras. Por isso, acabamos nos encantando por cada um, junto com as relações que estabelecem entre eles. Sendo que possuem como epicentro o café da Monica. Quando esses desconhecidos começam a interagir e formar um improvável grupo de amigos, cada um lidando com seus próprios demônios. Dessa forma, a autora constrói uma trama daquelas que não queremos largar até chegar ao fim.

Uma reflexão sobre a verdade:

Lançado pela Editora Verus, veja o livro "O Pequeno Caderno das coisas não ditas"

Agora, de forma sutil, temos um questionamento bem interessante sobre honestidade. Acima de tudo, comenta bastante o quanto esquecemos de sermos verdadeiros, tanto com nós mesmo e os outros. Sem contar que enfatiza que ego sempre acima, os vícios tapando quem somos de verdade e a própria autossabotagem. Afinal, é fácil ser aceito num mundo de mentiras. Porém a autora mostra nessa narrativa divertida e envolvente que não é bem assim. E, no final do dia, descobrimos quem são os verdadeiros amigos e pessoas que valem à pena ter por perto.

Decerto, a escrita de Clare Pooley cobriu o aspecto do romance de uma maneira que era crível e intrigante, quase fazendo com que toda a história pareça ser real. Tanto que há inúmeras cenas dinâmicas e imersivas. Por exemplo, o casamento de Julian com sua esposa, Mary. Parecia uma imagem realista de como é de fato, em vez de uma representação fofa ou profundamente deprimente como vemos em muitos livros. Sem dúvida, é possível se emocionar e uma identificação com a narrativa.

Conclusão:

Portanto, “O Pequeno Caderno das coisas não ditas” é definitivamente foi uma história na qual fiquei feliz em me perder completo. Pois é inspirador ver pessoas completamente diferentes se ajudando, em momentos delicados. Tanto que aprendemos muito com todos e refletimos sobre a nossa verdade. Tantas emoções humanas estão no coração e na alma deste livro. Com toda a certeza, Clare Pooley fez um excelente trabalho dando vida aos personagens nas páginas e evocando tantos sentimentos neste leitor.

LANÇAMENTOS IMPERDÍVEIS DA EDITORA VERUS NO MÊS DE FEVEREIRO FILMES DE ANIMAÇÃO QUE TAMBÉM SÃO COMÉDIAS ROMÂNTICAS LIVROS SOBRE MITOLOGIA GREGA, ALÉM DE PERCY JACKSON LIVROS QUE LEMBRAM “TODOS MENOS VOCÊ” ONDE ASSISTIR OS INDICADOS AO OSCAR 2024? LANÇAMENTOS DA EDITORA ALT EM 2024 Livros que serão adaptados em 2024 Contos natalinos para você ler no Kindle Unlimited Willy Wonka: Conheça as versões do personagem Expansão “Aluga-se” do The sims 4: O que esperar? A Cantiga dos Pássaros e das Serpentes: vale a pena ver? Se o personagem do seu filme favorito fosse uma animação da Pixar Livros de Edgar Allan Poe em A Queda da Casa de Usher Músicas que falam sobre términos Livros com jogadores de futebol americano para você ler Livros do Grupo Editorial Record para o Dia das Crianças Conheça Cyberpunk 2077: Nenhum acaso AMOR E LIVROS! ENTREVISTA EXCLUSIVA COM JENNA EVANS WELCH, AUTORA DE AMOR E GELATO