...

Monsta X enfim pisou em território brasileiro e que momento, meus amigos. Com certeza, um show que ficará guardado para sempre na memória. Depois de muita espera, meses de agonia e ansiedade, Monbebes acampados em frente ao Espaço das Américas, em São Paulo, desde abril, chegou a hora que todos aguardavam.

Às 19h em ponto, os 7 adentraram ao palco, histeria total. Com as roupas brilhantes, eles começaram com Jealousy, o mais recente comeback, emendando com Be Quiet e finalizando a abertura com Beautiful. Logo em seguida, pausa e eles começaram a conversar com a gente.

Foi o momento que eles se apresentaram, fizeram a saudação, seguido pelos Monbebes, que também os saudaram e eles ficaram impressionados com isso. Individualmente, todos se apresentarem, Kihyun, Hyungwon, Jooheon, Shownu, Minhyuk, Wonho e I.M, todos eles falaram “Oi, eu sou…”, além de mandar um “Te amo” no final. Não preciso nem dizer a cada “oi”, era um grito da plateia. Jooheon chegou a comentar que eles ficaram sabendo que o grupo apareceu no jornal e que havia Monbebes esperando por eles no frio. Chocado com a afirmação do público, ele agradeceu, pois não esperava que isso pudesse ser real.

Monsta X no Brasil
Monsta X no Brasil – Espaço das Américas

Depois das devidas apresentações, a segunda parte do show. Eles começaram com Gravity, uma música leve e tranquila, nos preparando para o surto de sensualidade que estaria por vir. Tropical Night veio como uma bomba. A dança deles dessa música, é de deixar qualquer um sem ter o que dizer.

Mais uma pausa para conversa. Dessa vez, Hyungwon, Minhyuk, Shownu e Wonho deixam o palco para troca de roupa, ficando Jooheon, I.M e Kihyun interagindo com o público. Um dos momentos mais divertidos, se me permite dizer. O Jooheon começou a fazer um beatbox e, do nada, o show parecia uma boate, até o público estava indo no embalo dele. Em seguida, ainda com o beatbox do Jooheon, Kihyun começou a dançar. Mas aí, querendo mostrar que estudaram o Brasil, o I.M resolveu fazer a nossa famosa SARRADA. Os três começaram a falar de sarrada.

Com o beatbox do Jooheon, I.M começou a tentar fazer sarrada, se desculpando por não conseguir fazer, mas aí o Jooheon falou a palavra mágica:  “é o funk” e começou a rebolar no palco, para delírio dos Monbebes presentes. Depois, os três saíram para a troca de roupa, dando lugar para Hyungwon, Minhyuk, Shownu e Wonho.

Hyungwon já voltou dançando funk. Nesse momento, os Monbebes começaram “TCHUN TCHÁ TCHÁ TCHUN TCHUN TCHÁ”, e os meninos dançaram em cima do nosso ritmo. Depois, Minhyuk e Wonho resolveram sambar no palco, mas Minhyuk, literalmente, rebolou para a plateia. Uma bagunça gostosa de se ver.

Com os 7 juntos de novo, hora da música. Eles voltaram com Crazy in Love, do novo álbum, e All In.

Outra pausa, um pouco mais demorada. Todos os 7 saíram para troca de roupa e ficou passando um VCR (um vídeo exclusivo da turnê), com eles como se estivessem preparado uma festa para os Monbebes.

Monsta X no Brasil
Monsta X no Brasil – Kihyun, Hyungwon, Jooheon, Shownu, Minhyuk, Wonho e I.M

Em seguida, o momento que todos aguardavam: As UNITS, onde cada unidade faria uma apresentação de explodir corações. A primeira foi Kihyun, Wonho e Minhyuk, eles cantaram uma música produzida pelo Wonho, exclusivamente para a turnê e foi a coisa mais fofa e linda desse mundo.

Acabando o momento fofura, veio a destruição com um cover de Versace on The Floor, do Bruno Mars, com apresentação de Shownu e Jooheon. Em seguida, o ápice. Hyungwon e I.M apresentaram, primeiro, um cover de Fake Love do Drake, com um rapper produzido pelo I.M, e, segundo, uma dança cover de How Long, do Charlie Puth.

Depois das apresentações, Kihyun, Wonho e Minhyuk apareceram para conversaram com a plateia, já com outra roupa. Eles contaram um pouco dos bastidores de cada unidade como, por exemplo, se a gente sabia que a música que eles apresentaram tinha sido feito pelo Wonho, no que respondemos que sim, ele ficou todo feliz.

Papo vai, papo vem, chegou Hyungwon e I.M e eles também contaram as curiosidades como, por exemplo, que a coreografia do cover de How Long foi toda feita pelo Hyungwon. Em seguida, Shownu e Jooheon voltam e apresentam um pouco da coreografia de Versace on The Floor.

Monsta X no Brasil
Monsta X no Brasil – Hyungwon e Kihyun com a bandeira do Brasil

Em seguida, enfim a música From Zero, com todos os 7 membros. Logo depois, a parte romântica. Eles cantaram Because of You e White Love.

Pausa para mais um vídeo. O interessante desse vídeo que foi uma explicação para a teoria que começou em The Code e continuou no The Connect, foi de arrepiar, sendo uma introdução para o clímax do show.

Eles começaram cantando Lost in the Dream e um oceano verde tomou conta da plateia. Todos levantaram seus celulares e fizeram uma luz verde dominar o ambiente, um momento que jamais será esquecido. Depois eles passaram para Destroyer, outro momento marcante e de arrepiar a alma. Encerrando o clímax com Shine Forever.

Uma pequena pausa, mais conversa e já começaram com Rush, Special e uma versão remix de Trespass, a música de debut. Logo depois, eles começaram a se despedir e saíram do palco.

Monsta X no Brasil
Monsta X no Brasil – Grupo se despedindo

Pera! Jura que você pensou que acabou? Não, eles voltaram para o encore e, nesse momento, o show se transformou em uma verdadeira boate com eles cantando Fallin.

E antes de irem para a última música (agora de verdade), eles começaram a se despedir. Que momento emocionante, onde todos presentes foram levados às lágrimas, inclusive os meninos.

Eles não cansaram de repedir o quanto estavam impressionados com os Monbebes brasileiros, o I.M não conseguia acreditar que um país do outro lado do mundo, sabia e cantava todas as músicas do grupo, do começo ao fim (inclusive, ele disse que aprenderia português como forma de agradecimento). Shownu disse que a plateia cantava coreano melhor que ele. O Hyungwon não cansava de dizer que nos amava (em português). Kihyun não cansou de dizer que não haveria melhor lugar para encerrar a turnê que não fosse no Brasil. Minhyuk disse “Brasil é paixão e paixão é Brasil”. Jooheon queria que todo o mundo soubesse o quanto os Monbebes brasileiros amavam o Monsta X e que se arrepende de não terem vindo durante a turnê passada. E todos afirmaram que o Brasil está sim incluído nas próximas turnês do grupo.

Para finalizar, eles cantaram If Only e Kihyun disse que, mesmo se não a gente não soubesse o que significava a música, era para sentirmos a emoção e eu posso afirmar que todos sentiram. Com o público e o I.M chorando, eles encerraram a Segunda Tour Mundial – The Connect no Brasil.

Ah, só um adendo. Wonho tirou a blusa antes de sair do palco e jogou para a plateia. Boatos que a blusa não saiu inteira.

– Meu relato, de uma Monbebe que viveu tudo isso de perto, e se emocionou junto!

Monsta X no Brasil
Monsta X no Brasil – Foto em grupo (Twitter – OfficialMonstaX)
Séries para quem amou Maxton Hall Bridgerton (3ª): O esperar da parte dois? Séries para você assistir no Dia das Mães As Melhores Trilhas Sonoras de Todos os Tempos Filmes de terror para assistir em maio 2024 FANFICS QUE VIRARAM FILMES PRODUÇÕES SOBRE FÓRMULA 1 A verdade sobre Bebê Rena Rota literária: conheça o aplicativo para leitores Top Filmes com ex-RBD FILMES DA TRILOGIA X DIRIGIDOS POR TI WEST Filmes originais da Netflix que são adaptações literárias Livros com o casal Ídolo e Fã! Filmes que são Dark Fantasy 6 livros da editora Intrínseca para o Dia Internacional da Mulher Histórias de Akira Toriyama Livros com o casal Grumpy x Sunshine FILMES DIRIGIDOS POR HAYAO MIYAZAKI NO STUDIO GHIBLI